Imprensa se despede de Nascimento Silva

COM TRABALHOS no rádio e na fotografia, Nascimento lutava contra o câncer de próstata

FALECEU NO final da manhã desta quarta-feira, o radialista e fotógrafo Nascimento Silva. Aos 69 anos, ele não resistiu às complicações de um câncer de próstata, mesmo em tratamento há alguns meses. O velório acontece no antigo plenário da câmara municipal e o sepultamento será às dez horas, no cemitério Parque Jardim da Esperança.


NASCIMENTO TRABALHOU por vários anos na Rádio Sociedade Norte de Minas (ZYD-7), como operador de áudio e sonoplasta, mas sempre assumiu a condição de “faz-de-tudo”, na parte técnica e na cobertura dos colegas de locução. Tinha a sua vinheta personalizada.

TRABALHOU TAMBÉM na equipe da assessoria de comunicação da Câmara Municipal de Montes Claros por várias legislaturas. Foi ainda assessor e voluntário da Legião da Boa Vontade em Montes Claros.

NA ÁREA esportiva, Nascimento Silva se destacou como fotógrafo, especialmente nos anos 90, quando teve livre trânsito junto aos clubes de Belo Horizonte. Foi um dos primeiros profissionais de imprensa do interior a ter acesso ao então garoto Ronaldo Nazário, que aos 16 anos foi convocado para a Copa do Mundo dos Estados Unidos e se despontava como artilheiro no Cruzeiro.

SÃO CENTENAS de fotos no acervo com os principais jogadores de Atlético, Cruzeiro e América naquele período. Várias destas imagens foram doadas para o Memorial do Esporte, projeto de resgate da história do futebol estadual, regional e local – que é vinculado ao Troféu Bola Cheia.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: