Novo Milênio e Olaria decidem o título

JUNTOS, FINALISTAS marcaram quase 100 gols ao longo do Campeonato; título reserva premiação em dinheiro



OLARIA E Novo Milênio decidem neste sábado, às 15 horas, no Estádio José Maria Melo, o título do Campeonato do Major Prates. A final será em confronto único e, além da taça e medalhas, os times brigam pela premiação de R$ 1 mil reservada ao campeão. O vice levará R$ 600,00. Os ingressos custam R$ 3,00, com previsão de público superior a 1,5 mil pessoas.

JÁ SÃO quase seis meses de Campeonato. A disputa teve início em 29 de janeiro, com 14 times, mas longo da primeira fase dois deles foram eliminados por questões disciplinares.

QUEM QUISER chegar ao estádio mais cedo acompanhará a partida preliminar entre Ipatinga e Parma que, na verdade, será um jogo festivo para homenagem ao ex-jogador Aldemir Batista dos Santos, o “Chai”, que por muitos anos atuou por equipes do Grande Major Prates e é considerado como um dos principais incentivadores do futebol de bairro naquela região da cidade. Outro apoiador reconhecido pelos organizadores é Valdir Tabinha, comerciante e desportista que há três anos é apoiador do Campeonato.

PELO RETROSPECTO na competição, com 14 vitórias em 17 jogos, o Olaria aparece como o favorito. Além disso, no duelo único que os finalistas fizeram, ainda pela terceira rodada da primeira fase, o Olaria venceu por 1x0.

ANÁLISE

O OLARIA fez a melhor campanha geral na fase classificatória, com 35 pontos. Venceu 11 jogos e empatou outros dois. Nas quartas de final, mais duas vitórias sobre o Red Bull (3x1 e 6x1). A primeira e única derrota aconteceu nas semifinais. Perdeu a partida de ida para o Vila Nova por 2 a 0, mas se redimiu com juros na volta e goleou: 4x0. Nos números gerais, tem 47 gols a favor.

MAS O Novo Milênio chega à final como um concorrente à altura, já que foi o vice-líder na primeira fase e, ainda, detém o melhor ataque da competição com 50 gols. Na classificatória, fez 29 pontos em 13 jogos, com nove vitórias, dois empates e duas derrotas. Nas quartas de final, teve trabalho, mas superou o JC justamente pela melhor campanha que ao adversários na fase anterior (2x3 e 1x0). E nas semifinais, passou pelo Boa Vista: 1x1 e 2x1.

A RÁDIO Terra AM (760 Khz) fará a transmissão da final.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: