Funorte dá pistas sobre possível volta na 2ª Divisão

NO PROFISSIONAL, clube está parado há duas temporadas, mas revela sondagem de empresários que têm interesse em ajudar no retorno

O Funorte disputou a Segundona de 2014 e chegou à rodada final como líder, mas tropeçou e não subiu
AUSENTE DAS competições profissionais há dois anos, o Funorte EC pode voltar neste ano. Nos bastidores, o clube manifesta interesse em disputar o Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, cujo ofício para inscrições foi publicado no último dia 29, pelo presidente da FMF, Castellar Guimarães Neto. O prazo vai até 28 de abril e o conselho técnico, que definirá o regulamento, está programado para 16 de maio.

NO ÚLTIMO domingo, durante a abertura da III Copa José Maria Melo, o diretor do FEC, Cristiano Júnior, revelou à VENETA que o clube foi procurado por empresas interessadas em apoiá-lo num provável retorno ao profissionalismo. A adoção do limite de idade (sub-23) para a 2ª Divisão seria um atrativo, o que forçaria os clubes a trabalharem com atletas mais novos e que, teoricamente, têm salários mais baixos. Cada time pode inscrever somente quatro atletas acima desta idade.

“É UMA possibilidade [voltar às disputas federadas], mas precisaria analisar outras questões, especialmente de custo e de estrutura”, resumiu Júnior. Em 2015 e 2016, o Funorte abriu mão de disputar a mesma “Segundona” por causa de limitação de receita, tanto que rescindiu o vínculo de contrato até mesmo com os jogadores mais novos.

NA ÚLTIMA participação no Campeonato Mineiro da 2ª Divisão, em 2014, o Funorte chegou à última rodada como líder e precisava de um empate contra o Nacional de Uberaba para subir. Foi derrotado por 1 a 0, com um gol aos 47’ do 2º tempo. A combinação desse resultado com a vitória do Montes Claros FC sobre o CAP Uberlândia, pelo mesmo placar, fez o Funorte cair para a 3ª posição e ficar de fora do acesso. (Foto: DE VENETA)
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: