Revés também contra o Minas Tênis

MOC VÔLEI perde a terceira seguida após a virada de ano e se mantém na quinta colocação da Superliga

EM MEIO à boa notícia sobre o Campeonato Sul-americano no Ginásio Poliesportivo, o Montes Claros Vôlei não escondeu o amargo por mais um resultado ruim após a virada de ano. No sábado, o time foi derrotado pelo Minas Tênis Clube em seu segundo jogo válido pelo returno da Superliga.


Montes Claros, do ponteiro Jonatas, parou nos 25 pontos na Superliga; folga na tabela será de 12 dias (Orlando Bento/MTC)
AS PARCIAIS em Belo Horizonte foram de 19/25, 22/25 e 16/25, com 20 erros cometidos pelo Montes Claros, contra 16 do Minas. Bob foi o maior pontuador do time, com 12 acertos. Com a torção de tornozelo de Thiago Salsa, Diannini começou como um dos centrais titulares ao lado de Robinho. Este é o terceiro revés em 2017. Antes, o time foi derrotado pelo Lebes/Canoas (2x3), ainda na Superliga, e pelo Funvic/Taubaté, no confronto único pela Copa Banco do Brasil.

MENOS MAL que a derrota para o rival mineiro não fez o time perder mais posições na tabela. O Montes Claros segue em quinto lugar, com 25 pontos, mas viu o Vôlei Brasil Kirin/Campinas e o Taubaté abrirem vantagem de três e quatro pontos, respectivamente, o que atrapalha um pouco os planos de brigar pelo G-4 e ter vantagem de mando de quadra nas semifinais.



JÁ O Minas vem de uma reação na tabela e chegou aos 17 pontos, na sexta posição. O próximo jogo do Montes Claros será no dia 28, em casa, contra o Bento Vôlei, que o derrotou no turno por 3x0.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: