João da Bota e Claudete dominam também a São Sebastião

GUILHERME NASCIMENTO e Karen Diovana seguem como os melhores montes-clarenses no atletismo de rua - após as duas primeiras provas do ano
João da Bota repete o lugar mais alto do pódio na segunda prova regular do ano em M. Claros (foto: Júnior de Souza)
JOÃO FERREIRA de Lima, o João da Bota, e Claudete Maria Silva, seguem soberanos no atletismo de rua neste primeiro mês de 2017 em Montes Claros. Os dois alcançaram o lugar mais alto do pódio na XII Rústica de São Sebastião, realizada domingo (22), repetindo o desempenho que tiveram no último dia 8, quando venceram a 10ª Corrida de Santos Reis. A diferença ficou apenas no percurso. 

A DISPUTA anterior teve 6 KM, enquanto a prova de São Sebastião, organizada pela Paróquia do mesmo nome, na Vila Guilhermina, foi mais extensa com 10 KM. Do total de inscritos, 138 cruzaram a linha de chegada, a maioria homens (100).
Maria Claudete faturou prêmio de
R$ 500,00 (fotos: Clara's Imagens)
PODE PARECER um disco arranhado para quem mora no Norte de Minas, mas não há como não descrever que o forte calor foi um adversário a mais para os competidores, especialmente na reta final da prova, que teve um trecho considerável de subida pela Avenida Cula Mangabeira. Os pontos de hidratação foram essenciais.

AOS 44 anos, João da Bota é atleta do Cruzeiro e corre por Grão Mogol, cidade onde nasceu no Norte de Minas. Ele fez o tempo de 32 minutos e 49 segundos. Claudete fez um tempo maior, mas o suficiente para vencer com folga a prova feminina – quase um minuto a mais que a segunda colocada. A mineira de Curvelo fez 42’25’’.

GUILHERME E KAREN, DE NOVO

ENTRE OS atletas de Montes Claros, Guilherme Nascimento é o imbatível do ano até aqui. Foi o mais bem colocado da cidade na prova de Santos Reis (terceiro colocado geral) e, no domingo foi mais além: vice-campeão, com 33’19’’. Nicodemos de Azevedo, de Capelinha, completou o pódio com o terceiro lugar (33’26’’).
Guilherme Nascimento conseguiu andar no ritmo de João da Bota em
grande parte do percurso da XII Rústica (fotos: Clara's Imagens)
KAREN DIOVANA foi a melhor entre as montes-clarenses, com 44’49’’. Aliás, literalmente ela segue os passos de Guilherme e está à frente de todas as conterrâneas neste ano. Foi bronze na prova de São Sebastião. Na corrida do início do mês, ficou em quarto lugar geral. Lá no Santos Reis, o pódio foi apenas de mulheres de fora da cidade.

BOMBEIROS: ESGOTADAS
O PRÓXIMO desafio será a 1ª Corrida Rústica do 7º Batalhão do Corpo de Bombeiros, dia 12 de fevereiro, com duas versões: 5 e 10 quilômetros, além da prova para crianças (“Kids”), com 500 metros, e a caminhada de 1 quilômetro. A largada será no Parque Municipal Milton Prates, com concentração às 7 horas. O primeiro lote de inscrições, com 500 kits, esgotou em menos de uma semana. A coordenação abriu mais 200 vagas, que foram preenchidas em apenas dois dias.


Pontos estratégicos de hidratação
CATEGORIAS 5 KM - 0 a 14 anos; de 15 a 19 anos; 20 a 24 anos; 25 a 29 anos; 30 a 34 anos; 35 a 39 anos; 40 a 44 anos; 45 a 49 anos; 50 a 54 anos; 55 a 59 anos; e de 60 anos acima. Categorias 10 km - 6 a 19 anos; 20 a 24 anos; 25 a 29 anos; 30 a 34 anos; 35 a 39 anos; 40 a 44 anos; 45 a 49 anos; 50 a 54 anos; 55 a 59 anos e 60 anos acima.

Classificação geral (clique aqui)
XII Rústica São Sebastião


 TOP 5 Masculino 

1) João da Bota (Grão Mogol) – 32’49’’
2) Guilherme Nascimento (MOC) – 33’19’’
3) Nicodemos de Azevedo (Capelinha) – 33’26’’
4) Jefferson Dias Santos (MOC) – 33’50’’
5) Paulo Pereira da Silva (MOC) – 34’02’’

 TOP 5 Feminino 
1) Claudete Maria Silva (Curvelo) – 42’25’’
2) Berenice Dias Meira (Sabará) – 43’13’’
3) Karen Diovana Santana (MOC) – 44’49’’
4) Isabella de Oliveira (Curvelo) – 46’17’’
5) Zenilda Rocha Silva (MOC) – 47’01’’

Antes da largada principal, a paróquia promoveu a II São Sebastiãozinho para crianças até 12 anos (foto: Júnior de Souza)
Vencedores por faixa etária

13 a 18 anos
Hermes Afonso Júnior – 16 anos (36’48’’ – 12º lugar geral) - MOC
Denise Emanuelle Mendes – 14 anos (1h00’11’’ – 18º geral) - MOC


Gabi, campeã 19-24 anos
19 a 24 anos
Paulo Maurício – 24 anos (36’56’’ – 14º geral) - Diamantina
"Gabi" Antunes – 20 anos (56’10’’ – 14º geral) - MOC

25 a 29 anos
Diego Nascimento – 25 anos (34’26’’ – 6º geral) – Serro
Talita Boaventura – 29 anos (1h10’49’’ – 32º geral) – MOC

30 a 34 anos
Rogério Oliveira Dias – 31 anos (36’29’’ – 10º geral) - MOC
Anne Karollay Fonseca – 30 anos (56’11’’ – 15º geral) - MOC

35 a 39 anos
Ernani Marques Pereira – 36 anos (35’42’’ – 8º geral) – São João da Ponte
Mônica Prates – 38 anos (48’54’’ – 7º geral) - MOC

40 a 44 anos
Sidney José Costa – 41 anos (42’06’’ – 37º geral) – Diamantina
Leda Cristiane de Jesus – 40 anos (49’39’’ – 8º geral) – MOC


Walter foi o melhor na categoria 45-49 anos
45 a 49 anos
Walter Alves Teixeira – 46 anos (35’22’’ - 7º geral) - MOC
Maria Selma dos Santos – 48 anos (52’10’’ – 10º geral) – MOC

50 a 54 anos
Dalmo Augusto – 51 anos (37’44’’ – 17º geral) – MOC
Maria Liete de Oliveira – 53 anos (1h03’05’’ – 24º geral) – MOC

55 a 59 anos
Sinval Rodrigues dos Santos – 55 anos (39’34’’ – 27º geral) - MOC
Maria Luci Cardoso – 58 anos (48’08’’ – 6º geral) – MOC

60 a 64 anos
Antônio Faustino – 64 anos (44’11’’ – 45º geral) – Diamantina

65 anos acima
Osvando Mendes – 73 anos (57’32’’ – 80º geral) - MOC

Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: