Vitória por 3 a 1 na “volta” do Ateneu

EX-JOGADORES de categorias de base reeditam confraternização e combinado do Broca evita sequência de empate

Bioclube e Ateneu no José Maria Melo: segundo jogo de confraternização terminou com a vitória do Broca
AQUELES QUE dividiram parte da infância e adolescência entre os treinos e jogos das categorias de base do Ateneu e Bioclube, ao final da década de 90 e início dos anos 2000, voltaram a campo numa confraternização de fim de ano. O “II Jogo das Estrelas” foi realizado na tarde de sábado e o Broca venceu por 3 a 1, placar construído no segundo tempo. No ano passado, houve empate em 3 a 3.

EMBORA NÃO seja a casa de nenhum dos times, o jogo aconteceu no Estádio José Maria Melo, que pertence ao Cassimiro de Abreu, clube que também rivalizou com ambos nas categorias de base entre 1997 e 2002. Os gols foram marcados por Luizão, Gera e Djalma (Ateneu) e Rômulo (Bioclube).


CURIOSAMENTE, AINDA na primeira metade dos anos 2000, os clubes tiveram caminhos parecidos. O Ateneu desativou todo o departamento de futebol e, agora, praticamente 15 anos depois, trabalha para se reerguer, a partir do projeto de reforma do Estádio João Rebello – iniciado na semana passada. O clube não teve vínculo direto com o time que foi formado pelos ex-jogadores para a confraternização.


Lance do primeiro tempo; o Ateneu foi montado por iniciativa dos ex-jogadores da base (foto: Nairlan Clayton Barbosa)
JÁ O Bioclube deixou de existir depois que a empresa com a qual era vinculado – Biobrás – foi vendida para um grupo de dinamarqueses (atual Novo Nordisk). Os novos donos mudaram o nome do projeto de futebol para Novo Clube e desativaram o time adulto.

Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: