Em três meses, Bicho já avaliou 50 atletas para o grupo Sub-23

TÉCNICO DIDI segue observando jovens - inclusive da escolinha do clube -, mas ainda espera por jogos-treinos

Didi Ferreira já avaliou 50 jovens, além de trabalhar com a base jovem que foi mantida
EM SUA segunda passagem pelo Montes Claros Futebol Clube somente neste ano, o técnico Didi Ferreira completa neste sábado, noventa dias de trabalho com o grupo sub-23, que o Bicho pretende utilizar na disputa do Mineiro da Segunda Divisão em 2016. Embora tenha feito inúmeras sondagens em cidades da região para jogos-treinos, a agenda tem sido apenas de treinamentos, quase sempre em dois períodos/dia.

O QUE pode parecer insistência em trabalhar apenas com jovens na busca pro mais um acesso tem explicação. A partir deste ano, a FMF estabeleceu que a Segundona terá, em sua maioria, atletas até 23 anos. Somente cinco acima desta faixa etária que poderão ser inscritos por clube. Quando for disputá-la, o Bicho quer chegar na véspera com pelo menos 80% do grupo já definido.

NESTES TRÊS meses, segundo a assessoria do clube, Didi Ferreira já testou 50 jogadores entre peneiradas e o aproveitamento de garotos vindos dos núcleos das escolinhas que o MCFC tem nos bairros de Montes Claros. Alguns ficaram e foram incorporados ao grupo de jovens que já tinham vínculo com o Bicho desde o ano passado e foram mantidos nesta série de treinos.

DESDE A fundação do clube, em 1992, está é a sétima vez que Didi trabalha no comando do MCFC. Neste ano, ele ficou à frente do time na reta final do Campeonato Mineiro do Módulo II, até março, mas com um grupo limitado não teve condições de brigar pela permanência do Bicho – que acabou rebaixado. (Foto: Ricardo Guimarães)
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: