Por custos, MCFC dispensa e recorre às escolinhas para formar novo grupo

DIDI FERREIRA assume o clube pela sétima vez; repasse para as escolinhas ainda estão no empenho


Didi na 7ª passagem pelo MCFC

INDEPENDENTE DE boatos, o Montes Claros FC trabalha em campo com foco da Segunda Divisão, que disputará somente em julho do ano que vem. Como a competição agora é Sub-23, com o limite de cinco atletas acima desta idade, o clube recorreu às origens para montar um grupo. A aposta é em jovens valores da cidade e região, como aconteceu nos anos 90, quando o Bicho iniciou seus trabalhos. O técnico também é o mesmo. Nesta semana, Didi Ferreira iniciou sua sétima passagem pelo Tricolor.

PARA A redução de custos, os jogadores mais experientes que ainda tinham vínculos com o MCFC tiveram os contratos rescindidos e ganharam os direitos federativos, casos do meia Rômulo, do goleiro Gabriel, o meia Pablo Lopes e o atacante Índio. O goleiro Gilmar, ainda em idade júnior, também foi liberado. Seguem vinculados ao Bicho apenas o lateral direito Fayllon, emprestado ao Uberaba, e o meia Léo Baiano, cedido ao Boa Esporte desde o início do ano.

O TRABALHO de agora é praticamente de um time de base, inclusive com 12 garotos que se destacaram no Torneio entre as escolinhas do clube, encerrado em junho.

CAMPOS

A DIFICULDADE está em espaço para treinos. O clube tenta um acordo com a AABB para treinar pelo menos em um turno por semana. Enquanto isso não acontece, o grupo teve que trabalhar no campo de terra do Carmelo. Um dos colaboradores é a Funorte, que cedeu o gramado do Campus JK para treinos às terças e quintas, somente à tarde.

OUTRA INFORMAÇÃO que diz respeito ao Montes Claros está na ajuda de custo do município que foi aprovada em projeto pela Câmara. O valor é de R$ 250 mil, com 10 mensalidades iguais. No entanto, nenhum repasse ainda aconteceu. O processo de empenho não foi finalizado.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: