MOC Vôlei três anos mais novo

MÉDIA DE idade do novo grupo é menor em relação ao time anterior; estatura média segue a mesma, mas clube busca ainda dois centrais 

Salsa entre os mais altos: 2,04 metros
UM PONTO-CHAVE para a renovação de Marcelinho Ramos como técnico do Montes Claros Vôlei foi a liberdade que o técnico teria – dentro das condições do clube – para a formação do grupo de jogadores para a temporada 2015/2016. O próprio comandante deixou claro que a primeira necessidade seria a de reduzir a média de idade do elenco, o que de fato vem acontecendo até aqui no processo de montagem da nova equipe.

COM AS nove contratações oficializadas até aqui – além das três renovações de contrato –, a média de idade chega a 26,6 anos. O “veterano” do novo grupo passa a ser o oposto André Nascimento, de 36 anos. O ex-jogador da Seleção Brasileira chega à cidade na próxima terça-feira para ser apresentado como o principal destaque dos norte-mineiros. A coletiva com André acontecerá na terça-feira, à tarde (16 horas), no Ibituruna Shopping Center, um dos novos parceiros do clube.

DEPOIS DE André, o central Tiago Salsa, de contrato renovado para mais uma temporada, é o mais experiente do restante do elenco, com 33 anos.

MARCELINHO RAMOS chegou ao MOC Vôlei na reta final do Campeonato Mineiro para substituir a Carlos Schwanke e não teve qualquer intervenção na montagem do grupo. A equipe anterior, que terminou a Superliga Nacional em oitavo lugar, tinha como idade média 29,5 anos. Portanto, o novo grupo é três anos mais jovem.

QUANTO À estatura, há equilíbrio entre o time da temporada anterior e o grupo que está sendo formado para este ano. A média de altura é a mesma: 1,94 metro. Mas o time atual pode ser até mais alto, já que o clube ainda a contratação de mais dois centrais – geralmente os atletas mais altos de um grupo. Até aqui, apenas três jogadores têm mais de dois metros: os centrais Salsa (2,04 metros), Rafael (2,05) e o ponteiro Bob Dvoranen (2,01).

REFORÇOS

ALÉM DE André Nascimento, o MOC Vôlei tem entre as novidades o também oposto Wagner Silva, o central Rafael, o levantador Rodrigo Ribeiro e o líbero Kachel, além dos ponteiros Bob, Juninho, Kadu e Renan Purificação. Não apenas Salsa renovou contrato. Permanecem no grupo o levantador Índio e o líbero Gianzinho.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: