Quem sabe a única vitória venha na despedida

JÁ REBAIXADO, o Montes Claros FC visita o classificado Tricordiano com a missão de evitar a pior campanha em 10 competições profissionais

NUMA TEMPORADA em que os erros foram bem maiores que os acertos, o Montes Claros Futebol Clube se despede do Módulo II apenas cumprindo tabela contra o Tricordiano, às 16 horas, no Estádio Elias Arbex, em Três Corações. O jogo vale pela 10ª rodada da primeira fase e o Bicho entra em campo já como o único rebaixado da Chave B para a 2ª Divisão/2015. O adversário, por sua vez, vive uma situação completamente diferente, com a classificação antecipada para o Hexagonal Final.

O CONSOLO [se é que ele existe, já que corre o risco de ficar um ano parado] para o Tricolor está na possibilidade de vencer o Tricordiano e não se despedir da competição sem uma vitória sequer. Até aqui foram só empates (6) e derrotas (3).

NUNCA

EM NOVE temporadas anteriores como time profissional (94,95, 96, 97, 98, 2004, 2012, 2013, 2014), nunca o Bicho terminou uma campanha sem vencer.

SEM MUITAS opções por causa do excesso de contusões, o técnico Didi Ferreira deve manter a base do time dos últimos jogos, com exceção do lateral Fayllon, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Júnior assume a sua vaga e Rafael Bill volta para o lado esquerdo da defesa. No último jogo ele atuou como meia.

O MCFC entra com Jonas; Júnior, Pedra, Santana e Bill; Augusto, Diogo Brasília, Rômulo e Emerson; Vinícius e Rafael Filipe. Contratados para este ano, Caio Tavera, Ronaldo, Rodolfo e Aurélio já foram liberados.

Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: