Lucas Mineiro no Maracanãzinho

EM MEIO à polêmica com adversário, montes-clarense está confirmado para o próximo UFC do Rio de Janeiro, em outubro


O MONTES-clarense Lucas Mineiro está confirmado em mais uma edição do Ultimate Fight Combat, ou simplesmente UFC, a mais importante liga de MMA do mundo. O seu nome foi confirmado no card do UFC-179, que acontecerá no dia 25 de outubro, no Maracanãzinho, no Rio de Janeiro. Serão dez lutas na noite e a principal delas entre o brasileiro José Aldo e o norte-americano Chad “Money” Mendes.

SOBRE O adversário de Lucas, uma polêmica. O UFC convocou Jeremy Stephens, dos Estados Unidos, mas ele se recusou a lutar. Como argumento, disse que está melhor ranqueado que o montes-clarense e que, por isso, teria o direito de rejeitar a luta. O também americano Darren Elkins, de 30 anos, o substituirá.

INEVITÁVEL

A POLÊMICA foi inevitável. Pelas redes sociais, ele disse que o primeiro adversário “escalado” pelo UFC o desrespeitou, mas na verdade “ficou com medo”. E emendou ao dizer que os seus caminhos se encontrarão mais cedo ou mais tarde no próprio UFC. 

AOS 25 anos, o peso pena Lucas Mineiro defende a equipe Chute Boxe/SP e tem como um dos patrocinadores a Banda CPM22. O montes-clarense chama a atenção pela ascensão meteórica no UFC. Em menos de um ano e meio, já realizou quatro lutas, com três vitórias consecutivas em categorias diferentes sobre Jeremy Larsen, Ramiro Hernandez e Jim Alers, a última delas nos Estados Unidos (a primeira fora do país). Esta é a sua terceira categoria diferente do UFC. Antes, havia lutado na Leve (71 kg) e na Galo (até 57 kg).

ALÉM DISSO, tem dois prêmios individuais em dinheiro: “Nocaute da Noite” no UFC de Jaraguá do Sul/SC, em maio (R$ 100 mil); e melhor performance no UFC de Atlantic City, em julho. Na carreira, entre todas as ligas de MMA em que já esteve, tem 15 vitórias e apenas uma derrota.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: