Ídolo do Grêmio pode ser o "anjo da guarda" para as finanças do Montes Claros

CLUBE ORGANIZA material para que Baidek ajude na negociação de quatro de seus principais jogadores

NÃO É novidade alguma que o Grêmio é a grande inspiração do Montes Claros Futebol Clube, a começar pelo distintivo e pelos uniformes. E nos 22 anos de existência do Bicho, a fidelidade com o tricolor do Sul vem sendo mantida de tal forma que um grande nome gremista passou a ser decisivo para o futuro do MCFC, que atravessa uma crise financeira após a participação no Mineiro do Módulo II.

Baidek é muito bem
relacionado na Europa
CAMPEÃO MUNDIAL em 1983, o ex-zagueiro Jorge Baidek atualmente é empresário de atletas e seria o ponto-chave para que o Montes Claros consiga projetar em nível nacional e até no exterior os atletas que se destacaram na campanha do Módulo II.

A CAMINHO DE PORTUGAL?

A ESCOLHA não é por acaso. Além do vínculo histórico com o Grêmio, Baidek é muito bem relacionado em clubes das Séries A e B e de Portugal, Catar e Arábia Saudita. Um de seus escritórios funciona em Lisboa. Entre os jogadores empresariados por ele estão o zagueiro Lúcio, meia Diego Forlán, goleiro Helton, dentre outros. (foto: Site Terceiro Tempo)

DIANTE DO interesse demonstrado por clubes e dirigentes de Minas e de outros estados durante a competição, a diretoria do Montes Claros vê potencial de negociação no lateral direito Fayllon (22 anos), volante Léo Baiano (22), armador Diogo Brasília (25) e no meia atacante Rômulo (26).

Lateral Fayllon é um dos negociáveis, mas ainda não recebeu nada oficial
SEGUNDO O presidente do Bicho, Ville Mocellin, Baidek o orientou a produzir vídeos que possam ajudá-lo na apresentação desses jogadores. O material está em fase final de edição na Capital Mineira. Fayllon, um dos citados, disse à VENETA que, por enquanto, não recebeu nenhuma proposta oficial, mas assume o interesse com a possibilidade de atuar no exterior. Ele tem mais três anos de contrato com o MCFC.

O MONTES Claros não esconde que a negociação de jogadores é a grande esperança para amenizar os R$ 500 mil gastos ao longo do Módulo II. O jovem atacante Daniel, de 18 anos, seria outro nome negociável do clube.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: