Com pendurados e dúvidas, Bicho recebe o Tricordiano

DIANTE DE contas quase impossíveis para chegar ao acesso, time concentra mesmo é na conquista da 1ª vitória na fase final

Nos dois jogos em casa até aqui, o Montes Claros perdeu ambos; tenta hoje a 1ª vitória
O MONTES Claros FC já volta a campo neste sábado e após seis rodadas tenta sua primeira vitória na fase final do Mineiro do Módulo II, no Estádio José Maria Melo contra o Tricordiano. O jogo começa às 16 horas com ingressos a R$ 20, mas quem for com a camisa do Bicho paga a metade.

MELHOR CAMPANHA geral na 1ª fase, a realidade do Bicho na reta final tem sido diferente. Soma apenas dois pontos e tem chances minúsculas de chegar a uma das duas vagas de acesso. Para isso, dependeria de uma combinação de resultados exagerada ainda que vença todas as partidas até aqui.

INDEPENDENTE DISSO, o pensamento é de vencer para cumprir o restante da tabela de forma honrosa. O técnico Didi Ferreira poderá repetir o time que jogou em Patos de Minas no meio de semana, mas deve divulgá-lo somente minutos antes de o time entrar em campo, já que há atletas retornando de contusão (Vinícius Nogueira) e têm que ser avaliados.

NADA MENOS que sete jogadores chegam à rodada pendurados com dois cartões amarelos: Thiago, Vinícius Almeida, Caixote, Rômulo, Rafael Filipe, Índio e Diogo Brasília.

INTERESSES

Ainda na primeira fase, meia atacante Peu foi sondado pelo CRAC de Goiás
AINDA QUE a campanha no Hexagonal não seja a ideal, o clube tornou-se alvo de técnicos e dirigentes de outros clubes. O meia Rômulo, por exemplo, desperta o interesse do Uberlândia e do Mamoré para os próximos meses. O mesmo acontece com o volante Léo Baiano, sondado pelo Boa Esporte, o goleiro Thiago, que recebeu proposta do Ipatinga, o meia Diogo Brasília, procurado pelo Mamoré, e o meia Peu, que recebeu proposta do CRAC de Goiás, dentre outros.

O ZAGUEIRO Ralph, que foi titular na 1ª fase, já não está mais no clube. Ele retornou para o Espírito Santo, sua terra natal, para se recuperar da contusão no joelho. Rompeu os ligamentos do joelho direito e para entre cinco a seis meses.

CONTAS PARA SUBIR

  1. - Com apenas dois pontos, o Montes Claros tem que vencer seus quatro jogos restantes: Tricordiano (C), Democrata/GV (F), Social (F) e Uberlândia (C).
  2. - Além disso, precisaria ao mesmo tempo que:


  • - o Uberlândia, com 13 pontos, não pontue mais,
  • - Democrata (10) faça no máximo mais 3 pontos em 12 possíveis,
  • - que o Tricordiano (7) não faça mais que seis pontos de agora em diante
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: