Montes Claros Rugby agora é 1ª Divisão

FEDERAÇÃO ADOTA o critério técnico para definir vaga de desistente; time precisa levantar R$ 3 mil pra inscrições

No ano passado, o time foi terceiro colocado no MIneiro da Segunda Divisão
O TERCEIRO lugar geral logo na primeira temporada do Campeonato Estadual Rúgbi Union, em 2013, já era tratado como um título particular para o Montes Claros Rugby. E na última semana, o time que se prepara para mais um ano de competições, ganhou um motivo mais para comemorar o feito. Justamente por causa do “bronze” do ano passado, a equipe foi convidada pela Federação Mineira de Rugby para disputar a 1ª Divisão/2014. A estreia já tem data marcada: dia 8 de fevereiro, em Belo Horizonte, contra o time “A” do BH Rugby – atual campeão mineiro.

A INFORMAÇÃO foi divulgada pelo técnico do MC Rugby, Glenn Townshend, nessa segunda-feira, no programa Camisa 12 (TV Geraes). O convite foi feito pela Federação na última quinta-feira e prontamente aceito. “Esperávamos chegar à 1ª Divisão daqui a um ano, mas o convite não deixa de ser um reconhecimento ao trabalho que fizemos aqui”, disse Glenn, em conversa com a VENETA.

Como foi

O MINEIRO da 2ª Divisão do ano passado foi disputado por cinco times, que jogaram entre si em um turno – quatro jogos para cada um. O Ipatinga Rugby teve 100% de aproveitamento e foi o campeão da 2ª Divisão. O título lhe deu o direito de disputar o acesso contra o último colocado da 1ª Divisão/2013. O time do Vale do Aço venceu por 20 a 5 o Campo Belo Rugby e ficou com esta vaga.

MAS ACONTECE que, por questões financeiras, os ipatinguenses desistiram do campeonato deste ano. Abriu-se, assim, uma vaga na 1ª Divisão, que automaticamente ficou para o segundo colocado da 2ª Divisão – o Nova Lima Rugby.

AO MESMO tempo, o time da Universidade Federal de São João Del Rey (UFSJ), que esteve na 1ª Divisão do ano passado, também alegou dificuldades de recursos e abriu mão da disputa. Daí veio o convite ao Montes Claros Rugby, terceiro melhor time na 2ª Divisão do ano passado.

EM BUSCA DE APOIO

“AINDA NÃO temos esse suporte, mas resolvemos topar desafio técnico e o financeiro, claro contando com a ajuda de todos do grupo e de quem estiver disposto a contribuir”, completou Glenn. O primeiro obstáculo ele já sabe qual é e o prazo para atingi-lo: até o dia 2 de fevereiro, o clube tem que quitar a taxa de inscrição para o Mineiro (R$ 3 mil). Para levantar esse recurso, o time aposta na mobilização dos atletas com recursos próprios, algumas empresas locais e a Secretaria de Esportes e Lazer.

A 1ª Divisão conta com 10 times divididos em duas chaves. Os jogos da primeira fase são apenas de ida e os quatro primeiros de cada lado classificam-se para as quartas-de-final (mata-mata). O Montes Claros está na Chave A ao lado do BH Rugby “A”, Taurus (Uberaba), Inconfidentes (Ouro Preto) e o Campo Belo.

PARA O técnico, a meta para a estreia na elite do rúgbi mineiro é ousada: “ficar entre a quinta e a sétima colocação”. Na primeira fase, serão dois jogos em casa (Campo Belo, dia 15 de março e Taurus, dia 29/03) e dois fora (BH “A” dia 8/02 e Inconfidentes dia 12/04).
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

4 comentários:

Anônimo disse...

Dá-lhe Veneta! Sempre contriundo para o desenvolvimento do esporte na região!

Daniel Santos Braga disse...

Só à título de correção: o Nova Lima Rugby (2° lugar do Mineiro da II Divisão) foi convidado para a I Divisão após o UFLA Rugby Team - de Lavras - ter decidido não participar por questões internas. A vaga aberta com a saída dos Búfalos da UFSJ Rugby ficou com o Campo Belo, último lugar na competição de 2013. A vaga que o Montes Claros assume veio da decisão do Ipatinga de não disputar o Mineiro 2014.

Muito sucesso ao TerreMoC em 2014. Lugar merecido entre os grandes.

Saudações rugbísticas

Christiano Jilvan disse...

Prezado Daniel
Confesso ter ficado em dúvida sobre o "reaparecimento" de Campo Belo na 1ª Divisão. Assim esclarecido, faremos a correção...

Obrigado

Will Caldeira disse...

Jilvan, como jogador do Búfalos UFSJ Rugby, gostaria de pontuar aqui a dificuldade que os times mineiros estão tendo, principalmente os da Primeira Divisão, em conseguir apoio/patrocínio para ter condições de competir. Além do valor das inscrições, necessitamos de ambulância e médico durante os jogos, pintura do campo, ônibus para viagens, entre outros.
Bom, durante os últimos anos, esse dinheiro saía dos nossos bolsos e a Universidade Federal de São João Del-Rei (UFSJ) ressarcia uma parte posteriormente. Mas este ano, diante da incerteza e demora da UFSJ,e sem nenhum outro patrocínio, não arriscamos a segurar essas dívidas.
Coincidentemente, a situação ocorreu com os dois times universitários da federação mineira.
Bom, como bom montesclarense que sou, torcerei para o sucesso do Terremoc este ano.
E que os Búfalos UFSJ possam voltar ano que vem com força total!

Para finalizar, parabéns pelo blog, Jilvan. Sou leitor constante dos seus textos.
Abraços!