Direção tricolor ainda não fala em reforços ou comissão técnica

PERMANÊNCIA DE Dárcio de Souza pode até acontecer, mas seria para a parte de gestão


Dárcio poderia voltar na área de gestão
A DIREÇÃO do Montes Claros ainda não fala sobre reforços ou mesmo a contratação de um novo técnico, já que a permanência de Dárcio de Souza para 2014, caso aconteça, estará condicionada à parte de gestão. Três dias depois da conquista do acesso, o assunto tem sido apenas o acerto financeiro com o grupo. 

OS SALÁRIOS e o proporcional do 13º já estavam quitados desde o dia 1º de dezembro. O compromisso agora é com a premiação pela vaga: R$ 700,00 para cada atleta, incluindo todos os integrantes da comissão técnica e outros colaboradores.

INDAGADO SOBRE a possível volta de Didi Ferreira ao comando técnico diante da proximidade de ambos em parte das comemorações pelo acesso, o presidente Ville Mocellin mostra certo interesse, mas deixa claro que a decisão dependeria também do treinador.

“O GRUPO gosta muito dele e os atletas mais jovens permanecerão para o ano que vem. Temos 17 atletas com contrato por mais dois anos e o tempo é curto para que tudo recomece do zero”, disse. A estreia no Módulo II será dia dois de fevereiro, no Estádio José Maria Melo, contra o Araxá Esporte.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: