Recent comments

Montes Claros FC agenda viagem para buscar reforços no Rio Grande do Sul

ALÉM DA base jovem que treina desde janeiro - inclusive com dois gaúchos -, clube investiu na contratação de dez atletas mais experientes

AINDA EM meio às restrições de orçamento para tocar o projeto profissional adiante, o Montes Claros Futebol Clube vai ao Sul do País em busca de reforços para fechar o grupo que disputará o Campeonato Mineiro da Segunda Divisão a partir de agosto. O presidente Ville Mocellin confirmou para o próximo dia 24 uma viagem ao Rio Grande do Sul que poderá culminar na contratação de pelo menos mais quatro jogadores para o elenco tricolor.


Jefferson e Mateus foram os primeiros a vir do Rio G. do Sul
A ROTA não é novidade. Ao final do ano passado, o Bicho trouxe dois jogadores do Sul. O volante Mateus Martins e o lateral Jefferson, ambos ainda em idade de juniores, mas que já treinam com o elenco profissional.

OS NOMES e posições ainda não são conhecidos, até porque depende de uma conversa final com um grupo de empresários de atletas daquele estado. Mas dois destinos são cogitados: Porto Alegre e Lajeado, cidade do Lajeadense, clube que disputa o Campeonato Brasileiro da Série D e que foi o campeão do interior do último Campeonato Gaúcho.

Nomes já contratados

Celinho e Leandro Mineiro: confirmados
ENQUANTO A viagem não acontece, o Montes Claros tenta se arrumar na própria cidade. Manteve o grupo de 20 jovens atletas que foi montado desde o início do ano e acertou nove contratações: goleiros Matheus e Thiago Wanderson, zagueiros Santana e Hérick, lateral Diego Fiúza, volantes Celinho e Diogo, armador Leandro Mineiro e o atacante Dandão. O atacante Ualison Picachu, ex-Funorte, treina junto ao grupo, mas ainda não acertou o contrato, pois depende da liberação do empresário. O lateral/meia Rafael Mendes, o Bill, que disputou o Paulista da Série A-3 pelo Sertãozinho e que tem contrato com o Montes Claros para mais esta temporada, também integra o grupo.

OS JOGADORES do Bicho treinam de duas a três vezes por semana no Estádio José Maria Melo, mas o clube ainda busca mais uma alternativa de campo. O espaço que era utilizado no Bairro Alcides Rabelo não agradou aos atletas mais experientes. O piso é muito duro e o risco de contusões é latente.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.