Recent comments

Saiba o que foi feito e o que está programado para a liberação do Estádio José Maria Melo

TODO CLUBE inscrito foi obrigado a escolher dois locais para mando de campo nos jogos da Segunda Divisão. Como o Estádio José Maria Melo ainda passa pela revisão de laudos, com a necessidade de reformas pontuais exigidas pelo Corpo de Bombeiros, ainda não está apto para receber uma partida oficial. Por isso, no ato da confirmação, Funorte e Montes Claros foram obrigados a indicar mais um mando de campo cada um: o Bicho relacionou o estádio Engenheiro João Guido (Uberabão) e o Funorte a Arena Jacaré (Sete Lagoas).

Estádio passa a contar com área exclusiva para deficientes
MAS COMO há um período de dois meses até a abertura do Campeonato, o Cassimiro de Abreu, proprietário do campo, dá garantias de que todas as observações serão cumpridas dentro do prazo. Nessa quinta-feira, por exemplo, iniciou-se a derrubada de parte do muro na parte reservada aos visitantes para a instalação de mais um portão de acesso e saída.

Grade dividirá as torc
O PRESIDENTE do Cassimiro, João Bispo, o Bonga, relacionou À VENETA as obras cumpridas até aqui como a construção de uma nova escada de acesso às cabines de rádio (com corrimão), instalação de travas com barra em todos os portões, colocação e pintura de portões de emergência para acesso ao campo e pintura das arquibancadas.

E AINDA: instalação de grade para divisão de torcidas; construção de degraus extras nas arquibancadas com pintura na cor amarela e sinalização própria de identificação das saídas de emergência; instalação de hidrantes e alarmes anti-incêndio; construção dos banheiros adaptados e área exclusiva para os portadores de deficiência.

Área para viaturas receberá assoalho asfáltico; portão será retirado
EM ABERTO para que o laudo definitivo seja aprovado, além da colocação do portão na área de arquibancada para as torcidas visitantes, o clube precisa instalar todas as lâmpadas de emergência previstas, remanejar a central de energia para uma sala fechada e ampliar as cabines de rádio sobre a laje dos novos vestiários – o que parece ser a parte mais demorada e onerosa, por causa dos projetos elétricos e hidráulicos. Há, ainda, com pintura e assoalho asfáltico, a identificação de uma área exclusiva para estacionamento de ambulâncias, carros do Corpo de Bombeiros e viatura da Polícia Militar.

Já teve início a obra para novo portão de saída pelo fundo do estádio
ALÉM DISSO, no sistema de iluminação, o Cassimiro promoveu a substituição das lâmpadas e reatores que estavam queimados. “São normas estabelecidas pelo Corpo de Bombeiros e cabe ao Cassimiro resolvê-las dentro do prazo para que o Estádio José Maria Melo seja utilizado na competição”, disse Bonga.

Nova escada de acesso às cabines de rádio e TV; portões com travas e lâmpadas de emergência; novos degraus e sinalização com pintura amarela para as saídas de emergência nas arquibancadas; alarmes anti-incêndio e extintores sinalizados

Um comentário:

Clarissa caldeira disse...

Excelente seria se tudo isso realmente acontecesse... as escadas de acesso às cabines de de rádio, bem como as próprias cabines,são um verdadeiro descaso com os profissionais que alí atuam. Sem mencionar os constantes problemas com a iluminação, que, como se não bastasse, outro dia, antes que o Camisa 12 terminasse de fazer suas entrevistas com os técnicos, foram apagadas todas as luzes... aí, não dá!

Tecnologia do Blogger.