Goleado, Bicho faz as contas até mesmo com o tapetão

TIME VAI precisar de duas vitórias nas rodadas finais, além de torcer contra o Nacional em campo e no Tribunal

O PROJETO
era para uma volta triunfal ao profissionalismo com a garantia do acesso para o Módulo II já ao final deste ano. Matematicamente, a chance ainda existe, mas o Montes Claros Futebol Clube não depende somente das próprias forças para dar conta do recado no Campeonato Mineiro da Segunda Divisão, principalmente depois de ser goleado em pleno estádio José Maria Melo, no último sábado, para o Nacional de Uberaba, por 3 a 0.

TODOS OS gols foram marcados na etapa final depois de um equilíbrio nos primeiros 45 minutos. O resultado válido pela 4ª rodada fez o Bicho se estagnar nos quatro pontos, enquanto o Naça chegou aos nove, atrás da Ituiutabana, que no mesmo dia goleou o Portal por um a um.

EM QUATRO jogos, o Bicho fez apenas dois gols e nenhum marcado por atacantes. No sábado, o Montes Claros teve Ramon; Jailson (Weslley), Nilo, Wanderson e Markim; Élder, Giovane, Bruno Amaral (Rafael Mendes) e Celinho; Vinícius (Victor Mendoza) e Felipe Augusto. O Nacional venceu com Thiago Neymar; Pelezinho, Alex, Felipe e Tchê; Marcelino, Balduíno, Thiago Carvalho e Evinho (Laerte); Thiago Pitbull (Breno) e Guma (Dedê). Cartões: Élder, Nilo, Felipe e Breno.

CONTAS E CHANCES

RESTAM AINDA
mais duas rodadas e para o Montes Claros chegar à segunda fase como dono de uma das duas vagas classificatórias da Chave B precisa de 100% de aproveitamento contra o Portal, amanhã, em casa, e diante da Ituiutabana, fora, na manhã de domingo (16).

OUTRA CONDICIONANTE para seguir na competição estaria nos bastidores – desde que também consiga as duas vitórias nesta semana. O clube trabalha com a possibilidade de que a Federação Mineira de Futebol leve adiante a denúncia contra o Nacional pela escalação do meia Thiago Carvalho, ainda com uma suspensão pendente, na primeira rodada da Segunda Divisão.

ELE ERA atleta do Mamoré no último Módulo II, foi expulso na 3ª rodada da fase final e julgado. Recebeu a pena de uma partida a mais do que a suspensão automática, mas não a cumpriu. E na estreia, o Naça venceu o Portal por 3 a 1.

“HOJE À tarde (ontem), conversei com o Ricardo [Machado, representante do Montes Claros FC na FMF] e ele garantiu que o caso vai ser julgado pelo Tribunal de Justiça Desportiva”, disse o presidente do Bicho, Ville Mocellin. O Naça pode perder os três pontos que conquistou em campo caso seja considerado culpado pelo uso do atleta.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: