Recent comments

Outra vez será mandante na casa alheia

FMF AINDA reconhece veto ao estádio José Maria Melo e marca terceiro jogo do Funorte em outra praça: domingo, contra a URT, em Patrocínio

NEM BEM
encerrou seu quarto compromisso pelo Campeonato Mineiro do Módulo II, nesta segunda-feira (12), contra o Mamoré, em Patos de Minas, o Funorte já está ciente de que votará àquela região na próxima semana.

AINDA SEM o reconhecimento por parte do Ministério Público e da FMF para a liberação dos laudos do Estádio José Maria Melo, o clube teve seu jogo contra a URT, domingo que vem, transferido pelo departamento técnico da Federação de Montes Claros para Patrocínio- estádio Júlio Aguiar.

É A terceira vez seguida nesta competição, mesmo sendo mandante, que o clube é obrigado a jogar a mais de 400 quilômetros de distância de sua torcida. Na primeira rodada, enfrentaria a Patrocinense em casa, mas pela falta dos laudos, o jogo foi remarcado para o estádio Bernardo Rubinger Queiroz (do Mamoré). Acabou derrotado por dois a um.

HÁ 10 dias, diante da mesma problemática, foi obrigado e levar sua partida contra o Araxá também para Patos de Minas, mas no campo da URT (estádio Zama Maciel), perdeu de novo: 0x2.

AINDA EM sua coletiva de apresentação, na última sexta-feira, o técnico Eduardo Amorim adiantou que esse problema é um adversário a mais ao Funorte e o “time será obrigado a superá-lo”, ainda mais na situação em que se encontra.

ESTÁDIO

O JOSÉ
Maria Melo passa por reformas para atender às exigências do Corpo de Bombeiros apontadas nos laudos, ainda pendentes de aprovação junto ao MP. Uma das medidas obrigou ao Cassimiro de Abreu, proprietário do local, a quebrar o muro para a colocação de mais um portão no acesso principal, além de ampliar o espaço do acesso da imprensa e jogadores pela rua Santa Mônica.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.