Muita coisa para arrumar

COM MUITOS erros, Funorte perde amistoso para time amador e técnico Borges não esconde bronca a uma semana da estreia do Módulo II


SE A
pré-temporada do Funorte se resumir somente ao desempenho que teve no jogo-treino contra o ABC, no campo da Fábrica de Cimento, o técnico Hílio Borges terá muito trabalho na última semana antes da estreia no Campeonato Mineiro do Módulo II, daqui a seis dias, contra a Patrocinense. No sábado passado, com muitos erros de posicionamento e passe, o Tricolor foi derrotado pelo campeão amador de Bocaiuva por um a zero, gol contra do meia Barbosa, aos 41 minutos do segundo tempo, após cobrança de escanteio pelo lado direito.

MESMO CIENTE da má qualidade do gramado do estádio Alberto Woods e do excesso de substituições (11 no total), Borges não economizou nas críticas ao seu grupo neste que foi apenas seu segundo jogo-treino à frente do FEC. “Não vou permitir que o time tenha esse rendimento. Faltou vontade e maior aplicação”, pontuou. O treinador questionou, ainda, a falta de finalizações a média distância.

O MEIA-atacante Amaral, que veio do Valério depois de experiências em times de Portugal e pela seleção de Guiné Equatorial, país pelo qual se naturalizou africano, foi escalado no segundo tempo do teste contra o ABC e reconheceu que o time não foi bem.

“NÃO CABE uma análise individual. O time teve mais posse de bola e só. A gente reconhece que falta pouco tempo para a primeira partida e vamos precisar de uma semana com bastante concentração para minimizar os erros e fazer uma estreia positiva”, analisou o jogador, que tem 30 anos e entrou no jogo durante o intervalo, na vaga de Esquerdinha.

JÁ O capitão Eddiê, que atuou por mais de 60 minutos, aposta na recuperação para a estreia, até porque, no outro jogo-treino, o time soube criar oportunidades e venceu a seleção amadora de Minas Novas por dois a um.

NO PRIMEIRO tempo, o Funorte teve Wilson; Victor, Eddiê, Anderson e Diney; China, Mardônio, Léo Baiano e Esquerdinha; Edison Alegria e Rafinha. Do intervalo em diante entraram em campo Mateus; Fayllon, Flávio, Catorta e Felipe Noronha; Felipe, Barbosa, Sávio e Amaral; Diulliano e Kayke.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: