Montes Claros perde no Rio de Janeiro: 0x3

Pereyra foi o maior pontuador em quadra, mas o Montes Claros perdeu (divulgação Vipcomm)
FICOU PELO caminho a reação do BMG/Montes Claros na Superliga Nacional de Vôlei. Mais uma vez, o time não conseguiu aumentar para três sua maior sequência de vitórias nesta temporada e foi derrotado pelo RJX, agora à noite, no Maracanãzinho/RJ, placar de 3 sets a zero, parciais de 16/25, 23/25 e 24/26.

A CHANCE de reabilitação será de novo fora de casa, às 10 horas, em Florianópolis, contra o Cimed/SC, com direito a transmissão ao vivo pela TV aberta (Globo). Embora os dois últimos sets tenham sido marcados pelos placares cheios e até viradas dos norte-mineiros, somente na primeira parada do segundo (8x6) e do terceiro (8x7) sets foi que o Montes Claros esteve à frente em um tempo técnico.

ATÉ O momento, o Montes Claros mostra três sequências de vitórias (3x2 Campinas e 3x1 RJX nas 1ª e 2ª rodadas, 3x2 Voltaço e 3x2 UFJF, 9ª e 10ª rodadas; e 3x0 Londrina e 3x1 Campinas, 11ª e 12ª rodadas).

O OPOSTO argentino Pereyra foi o maior do confronto com 14 acertos, mas foi Alberto quem analisou o mau rendimento do time: “entramos de forma irregular e com muitos erros de saque, talvez pela dimensão do ginásio. No segundo set, começamos a acertar alguns pontos e o jogo ficou mais equilibrado. Mas o time deles sacou e passou muito bem. E com o passe na mão, o Marlon distribui muito bem”, afirmou Alberto.

PELO QUE foi feito nos últimos dois sets, o jogador entende que o time está em uma crescente: “não vai ser uma derrota que vai nos abalar”.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: