Empate sem gols com o Cruzeiro

RESULTADO IMPEDE o Funorte de chegar ao segundo lugar, que seria seu melhor resultado em um final de temporada do Campeonato Mineiro Júnior

O EMPATE sem gols com o Cruzeiro, nesse sábado, na Toca da Raposa I, na penúltima rodada do Hexagonal Final, tirou quaisquer chances de o Funorte superar suas melhores campanhas no histórico do Campeonato Mineiro Júnior, quando foi o 3º colocado nas disputas de 2008 e 2009.

AINDA ONTEM, o Itaúna venceu o Tupi por 3 a 1, em Juiz de Fora, enquanto América e Galo ficaram no um a um, em Pará de Minas.

O PONTO ganho manteve o time montes-clarense no quarto lugar (12 pontos) e como só resta uma rodada, sábado que vem, diante do Atlético, em Montes Claros, no máximo poderá chegar à terceira posição.

ISSO ACONTECERIA no caso de uma vitória sobre o Galo por dois ou mais gols, mas desde haja também um ganhador entre Itaúna (15 – saldo 4)
e América (15 – saldo 2) por saldo idêntico. O Cruzeiro, que lidera com 18 pontos, depende apenas de um empate com o lanterna Tupi (4) para ser campeão mineiro júnior 2011.

CONTRA A RAPOSA, 4 PONTOS EM SEIS DISPUTADOS

INDEPENDENTE DA colocação final do Funortinho, o Hexagonal deixa como motivação o fato de não ter sido derrotado pelo Cruzeiro, melhor time até então. No turno dessa fase, o Tricolor venceu o time celeste, em casa, por um a zero; e, agora, no returno, empate sem gols.

JÁ CONTRA o Galo, na estréia do Hexagonal, o Funorte foi à cidade do Galo e venceu o Atlético por 3 a 1.

HÁ UMA semana, a
baixa no time tem sido o lateral direito Fayllon, cedido para testes no Internacional de Porto Alegre. O jogador deve permanecer no Rio Grande do Sul por três semanas e se for aprovado será incorporado ao elenco colorado para a disputa do Campeonato Brasileiro Sub-20, realizado anualmente naquele estado.

ANTES DO empate na Toca da Raposa I, na noite de sexta-feira, o grupo de jogadores do Funorte reforçou a torcida ao BMG/Montes Claros e foi à Arena JK, na Rua da Bahia (BH) para acompanhar o jogo contra o Vivo/Minas. O Esquilão perdeu por 3 sets a um. A foto acima, cedida pela Havarcom, mostra a delegação na arquibancada do alto do ginásio durante ataque do Minas.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: