Xadrez também terá três na decisão do JEMG

SOBRE AS modalidades individuais, Montes Claros teve representante em Bocaiuva apenas no xadrez, até porque as próprias escolas tiveram que assumir as despesas de transporte e inscrições para todas as fases anteriores do JEMG (municipal, microrregional e regional). O município abriu mão da coordenação até mesmo em sua sede.

A ESCOLA Estadual José Gorutuba, de Janaúba, venceu o Xadrez no Módulo II, enquanto a Estadual Caio Martins (Januária) foi campeã no Módulo I Feminino e a Estadual Josefino Barbosa no Masculino I. No Atletismo, a Escola Estadual Joaquim Maurício de Azev
edo, de Janaúba, conquistou os Módulos I e II femininos, enquanto a Escola Estadual Olegário Maciel, de Januária, foi campeã no Módulo II masculino.

TRÊS DA CIDADE

MONTES CLAROS terá representantes nas finais do torneio de xadrez dos JEMG, em Juiz de Fora. As vagas Pollyana Sayuri, Aline Barbosa e Gabriel Figueiredo (foto ao lado) foram conquistadas por alunos do colégio Prisma. Conforme o regulamento, nos esportes coletivos somente o campeão de cada sede regional garante vaga para a decisão geral, enquanto que, nas disputas individuais, classificaram-se os quatro primeiros de cada Módulo (I e II).

NO CASO dos alunos do Prisma, cujo xadrez faz parte das atividades curriculares, os seus representantes no JEMG foram definidos após seletiva interna com a participação de vinte atletas. Conquistaram a fase municipal em um torneio com a participação de outros três colégios e, na microrregional, foram campeões no Módulo I e vice no Módulo II. Por isso, disputaram a regional bocaiuvense, classificatória para a etapa de Juiz de Fora.

APENAS NO Atletismo que a cidade não teve qualquer representante, por questão de custos.

O MELHOR resultado dos montes-clarenses no xadrez foi obtido no Módulo I masculino, com Gabriel Figueiredo Guedes, vice-campeão com quatro pontos. Já no Módulo II feminino, Pollyana Sayuri foi a quarta colocada, com três pontos, mesma posição alcançada por Aline Barbosa, no Módulo II, também com 3 pontos. O trio, que recebeu premiação no Centro Cultural Henfil, de Bocaiuva, representará a cidade nas finais gerais da Zona da Mata. Já Luiz Eduardo de Souza foi apenas o 9º colocado no Módulo II, com 2 pontos.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: