Copasa comanda agora o vôlei nos Jogos do Sesi

PREPARAÇÃO INTENSIVA de dois meses surtiu efeito e time desbancou os pentacampeões da Vallée; entre as mulheres, vitória da Coteminas

A COPASA é a nova campeã do torneio de vôlei masculino dos Jogos do Sesiminas – sede Montes Claros. Na final dessa quarta-feira à noite, no ginásio do clube do trabalhador (Vila Regina), desbancou a pentacampeã Vallée com uma vitória por três sets a um, em uma hora e 36 minutos. O time será o representante da cidade na fase regional, em agosto, em Pirapora.

FORMADA EM sua maioria por familiares e colegas de trabalho, a torcida foi um destaque à parte na disputa pela animação aos seus times. O reforço o incentivo aos atletas amadores veio do quinteto profissional que foi ao ginásio (ao lado). O oposto Tuba, o ponteiro Silêncio, o central Matheuzão, o líbero Jairzinho e o levantador Rívoli, todos BMG/Montes Claros, prestigiaram o evento e até ministraram uma clínica de fundamentos aos dois times na prévia do confronto.

AS PARCIAIS foram de 26/24, 25/20, 23/25 e 25/23. O título inédito não deixa de ser surpreendente. Até o ano passado, enquanto a rival Vallée se preparava para sua quinta conquista nesta modalidade, a Copasa não possuía uma equipe de vôlei. O time foi montado às
pressas para os jogos do Sesi/2010, numa espécie de “junta-junta” e teve de se contentar com a quarta colocação.

"DESCOBERTA DE TALENTOS"

EM 2011, a preparação foi rigorosa. Dentro da companhia de água, com a chegada do técnico Eduardo foi feito um trabalho de “descoberta de talentos”. “Muitos até tiveram que ser convencidos”. Lembra o auxiliar administrativo de Recursos Humanos da Copasa, Leandro Dídimo (à esquerda, abaixo), que na quadra foi o eficiente oposto do time campeão.

SEGUNDO ELE, destaque ao lado do ponteiro Léo, ex-aluno de projeto social de vôlei na cidade, nos últimos dois meses, dois treinos eram agendados a cada semana, entre simulação de jogos e aperfeiçoamento de fundamentos.

AGORA VICE-campeão depois de cinco conquistas seguidas, o ponteiro Kleyton de Lima (à direita - ao lado) foi óbvio e lamentou a derrota da Vallée, mas encontrou explicações para o rendimento aquém do ideal. “Nosso time mudou a base, já que perdemos muitos jogadores, além do que não treinamos tanto como deveríamos”, disse o também analista de controle de qualidade na Vallée.

TODA PREMIAÇÃO aos campeões e vices foi entregue ao final do jogo. TIMES: Copasa - Clésio, Leandro, Ozísio, J.Walter, Edson, Fabrício, Fábio, Leonardo, Fred, Lauro, Alex e Raislan. Técnico Eduardo. Vallée - Alessandro, Ronaldo, Renato, Antoniel, Luiz Felipe, Alisson, Kleyton, Marcelo e Neylor. Técnico Wellington. Arbitragem: Harrisson Maia, Tiago Gomes e Wall Gomes.

ENTRE AS MULHERES

NO FEMININO
, a Coteminas conquistou o título com a vitória sobre a Vallée, de virada, por 2 sets a 1, na noite dessa quinta-feira. O número de sets para as mulheres é menor. As parciais foram de 17/25, 25/23 e 15/10. O time campeão teve Cristiane, Ângela, Aldenise, Cláudia, Laura, Vanessa e Cláudia Durães. Técnica: Fernanda.

Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: