Pereyra: na seleção e no clube indícios para ser o novo Lorena

ENTRE AS novas contratações para a temporada 2011/2012, o oposto Federico Pereyra, de 22 anos, ainda nem pisou em Montes Claros, mas a torcida do time de vôlei já se mostra positivamente impressionada com o jogador. Convocado pelo técnico Javier Weber para a Seleção Argentina, ele tem sido um dos destaques do grupo que disputa a Liga Mundial.

EM SEIS JOGOS contra Sérvia, Portugal e Finlândia foi titular em quatro deles e reserva nos demais. Anotou 61 pontos e tem 48% de eficiência de ataque, melhor percentual do grupo argentino e o quinto geral da competição.

NO FIM DE semana anterior, fez 28 pontos nos dois jogos contra os finlandeses. Outros 22 foram diante dos lusitanos e 11 contra os sérvios.

PELO BOLÍVAR

JÁ NA Liga Argentina de Voleibol, ainda como jogador do Drean Bolívar, de Buenos Aires, foi o quarto maior pontuador geral, com 517 pontos em 37 jogos. Trinta deles foram de saque, o que remete à característica marcante do também oposto Lorena, maior ídolo da curta história do clube de Montes Claros. Tudo indica que é um substituto à altura.

A DIREÇÃO DO Montes Claros pensa que sim. Assessor de imprensa do Drean Bolívar, o jornalista Matías Rosa confirma a força do jogador. Em entrevista ao portal da Organizada Orkutorcida (http://orkutorcida.blogspot.com), ele define Pereyra como um definidor. "Chama a responsabilidade para ele, principalmente quando o time tem que matar o set". Matías foi eleito o melhor assessor de imprensa da Liga Nacional Argentina e recebeu o prêmio "Victor Tempo", da Associação de Clubes da Liga Argentina de Voleibol (Aclav).
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: