Montes Claros: Léo Caldeira chega, mas comando ainda indefinido: Grasso, Cebola e gringos são opções

LÉO CALDEIRA, DE 28 anos e 1,90 metro (foto), ponteiro com passagens pela Grécia e Itália, é mais um reforço anunciado pelo time do BMG/Montes Claros para a sua terceira temporada no vôlei profissional. No último ano, o atleta estava no Voltaço (RJ).

AINDA NA PAUTA de reforços estão dois levantadores (Rafinha, reserva do Minas, seria a opção para ser o número 2), um central e mais um ponteiro, além de um oposto para disputar posição com o argentino Federico Pereyra, contratado junto ao Drean Bolívar, de seu país. Pereyra já atuou também como líbero. A lista dos novos reforços tem também o central Silêncio, os ponteiros Reffati e Ricardo Serafim e o líbero Jairzinho.

DA EQUIPE da temporada anterior, permaneceram Thiago Salsa e Denisson, central e ponteiro, respectivamente,
mas outros dois nomes estão com propostas salariais em mãos e podem voltar ao Norte de Minas: o central Alberto e o oposto Leandrão.

E SOBRE O TÉCNICO?

O TIME AINDA espera por um treinador, diante da impossibilidade do primeiro escolhido (Marcelinho Ramos) para substituir Talmo de Oliveira, que foi para o feminino do Sesi. Ele alegou questões familiares para adiar uma volta ao voleibol mineiro, onde trabalhou com o próprio Talmo (Cruzeiro).

MAURO GRASSO (acima), ex-Sky/Pinheiros, e Carlos Alberto Castanheira, o Cebola (à direita), são os dois primeiros nomes da nova lista, mas há ainda um italiano e um argentino como outras opções diante da possibilidade de negativa de ambos. Grasso esteve no Pinheiros até maio deste ano e seu empresário prometeu uma resposta oficial já nesta quinta-feira. Ele estaria em viagem de férias nos Estados Unidos. Enquanto Cebola atuava apenas como dirigente nos últimos anos, em São Paulo, mas teria grande interesse de voltar a atuar em Minas.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

3 comentários:

ACKILLES JUNIOR OLIVEIRA disse...

espero que o próximo treinador trabalhe mais a parte técnica, pois com talmo o montes claros apresentava deficiencias escandalosas em fundamentos como bloqueio e defesa. os jogadores do meio sempre chegavam atrasados, lentos no bloqueio. os jogadores são ruins ou eram mal treinados? acredito na segunda opção. nesse sentido gostaria muito que o time fosse treinado por mauro grasso, que tem uma personalidade forte, treina muito e exige muito. bancou sozinho a saída de marcelinho e rodrigão por deficiência técnica, não estavam rendendo. é sincero em suas declarações e sabe trabalhar a deficiencia de suas equipes. torço para que seja ele o treinador. vai ser muito bem acolhido.

Anônimo disse...

Poxa, fico muito feliz de saber que o nosso Pequi Atômico continua com força total. E quero parabenizar ao Felipe Oliveira e Vitão por mais esse presente para nossa Montes Claros. Essa familia Oliveira é show, eles são muito bons e não brinca em serviço. Mais um grande time brigando pelos titulos. Parabens a Funadem e o ISEIB por mais essa vitoria.

Paulinha disse...

Eu já acho o Cebola melhor que o Mauro Grasso!
Mas, prefiro mesmo um técnico italiano...