Consolo? Organizadas aliam-se para provocar Tigre após queda

DAS VÁRIAS cenas protagonizadas pelos torcedores na tarde/noite de domingo, no estádio José Maria Melo, duas em especial chamaram bastante a atenção. A primeira delas foi ver a torcida do próprio Funorte, formada por no máximo duas centenas de pessoas que ainda tiveram paciência de permanecer nas arquibancadas até o apito final do árbitro.

ELAS APLAUDIRAM a comemoração dos jogadores visitantes ao centro do campo após a certificação de que os resultados em Montes Claros e Ipatinga mantiveram o time de Governador Valadares na 1ª Divisão.

“O DEMOCRATA merece as palmas porque jogou para vencer, teve raça e fez a parte dele para ficar na Primeira Divisão. O meu time não merece nem até logo”, desabafou o tricolor Alex Gonçalves, morador do bairro Maracanã.

OUTRO FATO curioso foi protagonizado pelas organizadas Pantera Cor de Raça (Democrata) e Jovem Tricolor (Funorte), que se intitulam aliadas e exibem faixas uma das outras pelos estádios afora. Abraçados, esses torcedores foram para a porta do vestiário saudar o atacante Fernandão, autor dos dois últimos gols e considerado por eles o principal herói do dia.

CURIOSAMENTE, AO invés de algum ídolo do passado, uma das faixas da organizada de Valadares exibia uma pintura do rosto do presidente Edvaldo Soares (foto ao lado), considerado um abnegado por manter do próprio bolso muitas das despesas do Democrata.


DEPOIS DISSO, ainda arrumaram tempo para provocar o Ipatinga, outro rebaixado do dia. “Melhor do que ser campeão é ver o Tigre na Segunda Divisão”, gritavam. Foto: Rubem Ribeiro
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: