Vitória é a palavra da doutrina Tricolor

EM SITUAÇÃO complicada no Campeonato Mineiro desde a queda para a zona de rebaixamento há quatro rodadas, o Funorte não tem muito o quê inventar para seu jogo contra o Tupi, neste sábado, às 16 horas, pelo Campeonato Mineiro. A única opção é vencer para se manter com chances fugir do descenso nas três partidas restantes pela 1ª fase e seguir na Elite Mineira em 2012.

O TIME AINDA não venceu. Tem somente dois pontos na competição e fará seu quarto jogo em casa, onde perdeu para Atlético (1x2) e Villa Nova (0x3) e empatou com a Caldense (0x0). Aliás, o jejum de sucessos como mandante já dura desde 10 de abril do ano passado, ainda pelo Módulo II. Foram doze jogos nesse período, com sete derrotas e cinco empates, conforme matéria divulgada pela VENETA.

NÃO SERIA exagero dizer que a exigência por uma vitória contra o clube de Juiz de Fora virou uma espécie de doutrina no ambiente dos jogadores. Nessa quinta-feira, por exemplo, antes e depois do coletivo final, o técnico Luiz Eduardo Lima (foto), o auxiliar Maurélio Miranda e o preparador de goleiros Luiz Fernando Gatão conversaram reservadamente com os titulares de cada setor.

O COMANDANTE tricolor deixou escapar parte do que foi pedido nesse bate-papo: “reforçamos a necessidade de compromisso, atenção e superação para a seqüência do Campeonato Mineiro. Sabemos completamente das dificuldades, mas definitivamente chegou a hora de vencer”.

O AUXILIAR Maurélio Miranda (foto) reiterou as palavras do treinador. “Foram dois bons coletivos nesta semana, mas a realidade do jogo é diferente e o time precisará se concentrar do início ao fim”, disse à VENETA ao revelar a prioridade para as finalizações.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: