Recent comments

Um ponto já será valioso

DIANTE DE tantos contratempos ao longo da semana, Funorte joga cauteloso diante do América; não sair derrotado será muito importante

Anderson Vieira, ao fundo, volta ao
time no esquema de três zagueiros

DEPOIS DA
estreia contra o Atlético, já em sua quarta partida na 1ª fase do Campeonato Mineiro o Funorte terá outro grande da Capital pelo caminho. Hoje, às 18h30, na Arena do Jacaré, o Tricolor completará a 4ª rodada contra o América, um dos poucos invictos até o momento. Mas pelo momento do clube na classificação – ocupa a 11ª posição, na zona de rebaixamento –, sabe que independente do adversário terá de voltar para casa com pelo menos um ponto na bagagem.


A MISSÃO torna-se mais complicada diante de tantos problemas enfrentados pela comissão técnica ao longo da semana. Por causa de contusões e suspensões, o treinador Wagner Oliveira teve até que mudar o esquema tático. Pela primeira vez utilizará três zagueiros ao mesmo tempo e apenas um atacante de ofício. Ou seja, um 3-6-1 diante dos americanos. Gabriel, autor do gol em Ipatinga, ficará com a missão do apoio nas jogadas ofensivas.

O MEIA Pedrinho e o atacante Dandão estão suspensos, enquanto o volante Marcelino está vetado pelo departamento médico por causa de uma suspeita de estiramento muscular. Não treinou nenhuma vez na semana. Outro de fora é o centroavante Kleyr, que se recupera de uma luxação no ombro direito sofrida ainda no primeiro tempo da derrota para o Villa Nova.

CONDICIONAMENTO

NÃO BASTASSE tudo isso, o comandante tricolor enfrenta problemas com as opções que tem para cada uma dessas posições que estão vagas. Alguns jogadores ainda não estão com condicionamento físico ideal como é o caso de Peter, titular nos três primeiros jogos, que foi barrado e será opção de banco em Sete Lagoas. O jovem Rômulo assume sua vaga.

JÁ LUÍS Henrique reconhece que ainda está com dois quilos acima do peso ideal, mas como as opções para seu setor são limitadas, são grandes as chances de começar jogando diante do Coelho. Ele foi titular nos dois coletivos da semana, na vaga de Marcelino.

O REENCONTRO acontece após quase dois anos. Na Taça Minas Gerais de 2009, Coelho e Formigão realizaram duas partidas pela fase de grupos e não houve vencedores. Em Montes Claros, o Tricolor vencia por dois a zero, mas cedeu o empate. Já em Belo Horizonte, ainda no velho Independência, nova igualdade em partida pela última rodada: 1x1. O Funorte não estará sozinho em Sete Lagoas. Uma excursão com 40 pessoas seguiu viagem na manhã de hoje para acompanhar o duelo na Arena do Jacaré.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.