Mistério de agora é por causa dos problemas

DIFERENTE da estreia quando apenas escondeu o time para o Galo, para jogo de amanhã clube já sofre com questões médicas, suspensão e falta de registros e não adianta titulares

O FUNORTE VOLTA a adotar a tática do mistério para mais um compromisso pelo Campeonato Mineiro, amanhã, às 17 horas, contra o Ipatinga, no Vale do Aço. Na estreia, o técnico Wagner Oliveira escondeu o time até os vestiários para evitar que o Atlético tivesse maiores informações sobre seus jogadores. Agora, a situação é bastante diferente. Já para a segunda rodada, o clube enfrenta problemas de ordem médica, de suspensão e ainda indefinição sobre o registro de dois jogadores.

“TENHO QUE trabalhar de duas formas: com e sem esses atletas”, adiantou o técnico na conversa com a VENETA na tarde de ontem, antes do coletivo no Estádio José Maria Melo. Ele garantiu que divulgará os titulares do FEC somente em cima do prazo estipulado: meia hora antes da bola rolar.

A DELEGAÇÃO SEGUIU viagem rumo a Ipatinga às 22 horas e chegou ao Vale do Aço por volta das 9h30. Está no hotel Century Park. Por volta das 16h30, um treino leve no campo do Aciaria para "destravar" a musculatura após quase 12 horas dentro do ônibus.

NA PAUTA de trabalho uma série de dúvidas. Mesmo sem a garantia de inscrição no Boletim Informativo Diário da CBF, o que ainda não aconteceu ontem, o zagueiro Binho (à esquerda, na foto acima) pegou estrada com os demais companheiros. O Funorte encontra dificuldades em acertar sua transferência da Federação Iraniana para a CBF. O clube não tem noção do qual seja a causa do impasse e foi obrigado a acionar o advogado Lucas Ottoni para apurá-la.

MAIS UM

TITULAR AO LONGO da pré-temporada, o meia Luiz Henrique vive a mesma situação desde sua chegada, vindo do futebol da Finlândia. No entanto, como o registro ainda não aconteceu, ficou em Montes Claros e só deve entrar nos planos para a terceira rodada, quando o FEC receberá o Villa Nova.

SUSPENSO

A EXPECTATIVA É DE que o nome de Binho seja publicado no BID nesta sexta-feira, de forma que tenha condições de jogo para amanhã. Caso não seja possível, o jovem Martinez, de 20 anos (foto acima), passa a ser a primeira opção para formar a vaga ao lado de Vinícius Zaqui, pois Anderson Vieira, que já substituiu Binho na estreia, foi expulso e será obrigado a cumprir a suspensão automática.

MAIS DOIS

A DUPLA DE ataque no domingo passado precisou ficar de fora da maior parte dos trabalhos da semana. O centroavante Dandão apresentava problemas intestinais desde a segunda-feira e foi poupado até a tarde de ontem, quando voltou a treinar com bola.

JÁ UALISSON MINEIRO, um dos destaques contra o Galo, chegou atrasado ao coletivo de ontem, pois precisou fazer um exame mais apurado para saber a gravidade da lesão do nariz. Ainda no primeiro tempo da estreia, ele recebeu uma entrada do zagueiro Werley e caiu junto às placas de publicidade. Por causa de um sangramento no local foi atendido e ficou cinco minutos do lado de fora do campo. Havia suspeita de fratura, mas o próprio atleta tratou de tranqüilizar os companheiros. “A dor ainda incomoda, mas o exame não constatou a fratura e vou estar em campo contra o Ipatinga”, disse. (FOTOS: Wilson Medeiros e Heberth Halley)
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: