Grande no caminho da estreia aumenta pressão


SOBRE A TABELA DO FUNORTE no Estadual, mesmo com mais jogos fora do que dentro e duas sequências de dois jogos fora na primeira fase, o Funorte não reclamou de nada, até porque vai receber o campeão Atlético no dia 30 de janeiro. A cidade e região estão em estado de graça com a vinda de um grande após mais de uma década. O último jogo oficial do Galo por aqui foi em 1998, pelo Campeonato Mineiro da Primeira Divisão, com vitória de três a zero sobre o extinto Montes Claros Futebol Clube. (FOTO: VENETA)

MAS RECEBER um grande do Estado logo de cara pode ser um grande exemplo do que chamam de “faca de dois gumes”. Caçula sob todos os aspectos, o Formigão ainda tem de cumprir uma série de reformas no Estádio José Maria Melo para atender o mínimo de exigência da FMF, MP, CREA e outras tantas entidades que respondem oficialmente pelas vistorias.

PENSO QUE A VINDA do Atlético, que certamente virá acompanhado de toda a mídia mineira, é uma forma de pressionar e, ao mesmo tempo, dar agilidade para que as obras, que de fato não são poucas, saiam do papel. O jogo vai colocar a cidade na vitrine e caso o estádio não esteja apto, certamente, como se diz na gíria do futebol, “vão cair de pau”.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: