Caçula, Funorte já tem lista para escolher novo técnico

TIME TOMA goleada e sacramenta a pior campanha da Taça Minas Gerais; reformulação entra na pauta

MELANCÓLICA

O FUNORTE SE DESPEDIU
de forma melancólica da briga por uma vaga à semifinal da Taça Minas Gerais. Foi goleado pelo Tricordiano, domingo à tarde, em Patrocínio, por três a zero, em jogo válido pela oitava rodada da primeira fase. Na lanterna com apenas três pontos, mesmo que vença seus dois compromissos restantes, o FEC não chegaria mais à zona de classificação.

RODADAS E PREOCUPAÇÃO

AINDA COM DUAS
rodadas a cumprir até o término da competição, o clube já pensa na temporada de estreia na elite do Campeonato Mineiro, a partir de janeiro do ano que vem. Além da formação de um grupo competitivo – incluindo a contratação de um novo técnico –, tem a preocupação com a adequação do estádio João Rebello, que está prestes a ser cedido pelo Ateneu em regime de comodato. Resta o Conselho Deliberativo do Broca aprovar o convênio.

AINDA NÃO

MESMO COM O
revés, o Funorte por enquanto não vai colocar em prática o discurso de contratações e dispensas. O diretor executivo/financeiro Cristiano Júnior confirmou que esse mesmo grupo vai cumprir os dois jogos restantes da Taça Minas Gerais contra Uberaba e Uberlândia. Mas, ao mesmo tempo, quando indagado pelo JORNAL DE NOTÍCIAS, deixou claro que são grandes as chances de uma reformulação completa tão logo termine a competição.

MAIS DE 90%

JÚNIOR DEIXOU A
entender que já vem trabalhando em uma frente para anunciar alguns reforços já nas primeiras semanas de novembro. “O Funorte para a Primeira Divisão do Campeonato Mineiro vai estar completamente reformulado. Infelizmente, a nossa campanha na Taça Minas Gerais mostrou uma fragilidade que não esperávamos e, diante disso, as mudanças vão acontecer”, completou o dirigente, que prevê uma modificação de 90% do elenco.

LISTA TRÍPLICE

A PRIORIDADE É
A contratação de um novo técnico. “Estamos acelerando esse processo para definir o novo comandante”, finalizou o diretor do Funorte, que confirmou que o clube já trabalha com uma lista tríplice para a função. Os nomes são de treinadores com boas passagens pelo interior mineiro: Marcelo Oliveira (foto acima), Flávio Lopes (abaixo) e Moacir Júnior (ao lado). Dos três, apenas Oliveira está atualmente sem clube. Ele foi recentemente dispensado do Paraná Clube, após a goleada sofrida para a Portuguesa no Brasileiro da Série B. Lopes e Júnior estão na disputa da Taça Minas com Villa Nova e Uberlândia, respectivamente.

UM SÓ

EM TESE
, o final de semana não foi de todo ruim para o Funorte. Seus dois jogadores emprestados ao Ituiutaba comemoraram como titulares o acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro, com o empate sem gols com a Chapecoense, no sábado. O atacante Ualisson Picachu e o lateral esquerdo/volante Stanley foram emprestados ao time do Pontal do Triângulo justamente pela possibilidade de valorização em uma competição nacional.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: