Contra o Mamoré na Taça MG: 5º titular na direita mostra a instabilidade do Funorte

JOGA FAYLLON

A LATERAL DIREITA pode resumir o momento de instabilidade que o Funorte vive na Taça Minas Gerais. Amanhã, contra o Mamoré, pela rodada de abertura do returno, o técnico Erivelto Martins vai lançar o quinto titular diferente nos seis jogos que o time já realizou na competição que vale uma vaga na Copa do Brasil de 2011. A missão de vestir a camisa dois coube ao jovem Fayllon, que foi promovido do time júnior há uma semana e já teve a oportunidade de entrar no segundo tempo contra o mesmo Sapo, em Patos de Minas, substituindo o atacante Andrade.

ATÉ IMPROVISAÇÃO

A PREFERÊNCIA TEM
várias explicações, até porque antes de assumir o time profissional, na segunda-feira passada, substituindo a Maurélio Miranda, Erivelto Martins era o técnico do time júnior e foi quem lançou o próprio Fayllon no Funorte. Outro motivo para a mudança, mesmo se tratando de uma promessa da base, está na irregularidade daqueles que foram utilizados até então: Fabrício, Diego Fiúza e Thiaguinho, todos especialistas da posição, e, ainda, o veterano volante Anderson Toto, improvisado.

"TÁ DURO"

O PRÓPRIO ELENCO
reconhece que o Funorte está decepcionando na Taça Minas Gerais. Eddiê, zagueiro que cumpriu suspensão no final de semana anterior, entende que a Taça para o Tricolor está começando agora. "Esta será a primeira chance de recuperação", resumiu. De fato, é bom mesmo o elenco esquecer o que foi feito nas cinco primeiras rodadas, já que o rendimento foi de apenas 13,3% de aproveitamento, com dois empates e três derrotas, sendo uma em casa.

FORA OU CASA?

UM TREINO LEVE, ontem de mannhã, no José Maria Melo, definiu o time titular que volta a enfrentar o Mamoré. Mesmo na condição de mandante, o FEC vai jogar fora de casa, pois o campo do bairro Todos os Santos segue interditado pelo Ministério Público diante da falta de laudo completo da vistoria do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura (CREA). O clube busca uma solução até o final da próxima semana.


A 481 KMS

A SOLUÇÃO FOI levar o duelo para o Estádio Júlio Aguiar, em Patrocínio, a 481 quilômetros de Montes Claros. Curiosamente, a cidade escolhida fica mais próxima de Patos de Minas (75 kms), o que vai exigir menor desgaste dos jogadores do Mamoré. Sobre o time, Erivelto muda o esquema de três para dois zagueiros e mantém o ataque com dois homens.

TIME

OUTRA NOVIDADE, ALÉM
de Fayllon, será a estreia do lateral esquerdo Wagner, vindo do Araguaína, do Mato Grosso, e a volta de Marcelino, que ficou de fora de dois jogos seguidos por causa de uma contusão no tornozelo. O time será este: Wilson Martins; Fayllon, Alex, Eddiê e Wagner Monteiro; Marcelino, Anderson Toto, Andrezinho e André Malacrida; Andrade e Rafinha.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: