Profissional faz jogo-treino e só time "B" marca gols

1º JOGO-TREINO

ENQUANTO AGUARDA A
confirmação de amistosos em Capelinha e Guanambi/BA, o Funorte usa uma solução doméstica para iniciar os trabalhos com bola na pré-temporada que realiza antes da estreia na Taça Minas Gerais, no dia 25 de agosto. Ontem à tarde, no Estádio José Maria Melo, os profissionais realizaram um jogo-treino contra os juniores do próprio clube, que disputa o Campeonato Mineiro da categoria.

DOIS DE 30’

VENCERAM POR TRÊS A ZERO
, gols do zagueiro Martinez e do atacante Wesley (2) - foto ao lado. Surpresa foi o reaparecimento do atacante Tiago Pitbull, que chegou a deixar o clube, mas fez um acordo e renovou seu contrato. Como o grupo ainda está buscando o melhor condicionamento físico, o técnico Maurélio Miranda optou por dois tempos de 30 minutos, mas com formações diferentes em cada um deles.

TIME “A” COM REFORÇOS

NO PRIMEIRO TEMPO
, ele colocou em campo o time que parece desenhar como ideal, já que quatro dos reforços contratados estavam nele: o lateral direito Diego Fiúza, vindo do Formiga, o atacante Hiroshi (ex-URT) e os meias André Malacrida (ex-Itaúna) e Rafinha (ex-Tupi). Mas a falta de entrosamento parece que pesou e não houve gols. A equipe teve Adson; Diego, Alex, Anderson e Thiaguinho; Marcelino, Andrezinho, Rafinha e Malacrida; Hiroshi e Andrade. Na outra metade, com uma base mais jovem, os gols saíram depois de 100% de mudança no time. Romário e Jonathan jogaram improvisados na defesa.

DESTAQUE NO “B”

CONTRATADO DEPOIS DE
cumprir quase duas semanas de testes, o atacante Wesley foi o destaque com os dois gols. Ele disputou a Segunda Divisão de Minas do ano passado, pelo Guarani de Pouso Alegre. O time "B" contou com Douglas; Fabrício, Martinez, Romário e Jonathan; Anderson Toto, Diogo, Esquerdinha e Rômulo; Wesley e Tiago Pitbull. O zagueiro Eddiê ficou de fora dos trabalhos. No início da semana, nos trabalhos táticos, ele sofreu um pequeno corte na cabeça e acabou sendo poupado.

SEQUÊNCIA MAIOR

MAURÉLIO DISSE À VENETA
que considera satisfatório esse primeiro trabalho coletivo, mas espera uma sequência maior para as primeiras avaliações. Por isso, evita falar quem seria titular para a estreia diante do Uberaba, daqui a 20 dias, no Triângulo Mineiro. "Vamos avaliar um por um, até porque o grupo é pequeno". Sobre o jogo-treino com o tempo reduzido, garante ter sido de propósito, pois com o elenco reduzido "seria arriscado forçar o ritmo logo no primeiro trabalho".

RESISTÊNCIA

O TÉCNICO AINDA
reconheceu à reportagem que a diretoria está encontrando resistência para contratar mais jogadores, em especial um atacante de área e um lateral esquerdo. "As opções no mercado são poucas, mas mesmo assim a gente tem que ter critério. Não podemos contratar apenas para dar satisfação", finalizou. No jogo-treino, ele usou 23 jogadores, entre os quais o goleiro Wilson, que aos 38 anos volta ao time depois de um ano. Nesse período, ficou parado e, por isso, chega na condição de reserva. Adson é o primeiro nome do treinador.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: