Pout-pourri do fim-de-semana!

MATERIAL ESPECIAL

O LÍBERO FÁBIO
Paes, uma das contratações do novo time do BMG/Montes Claros, é destaque em matéria especial do site Vôlei na Rede (
www.voleinarede.com.br), uma das referências da modalidade na mídia nacional e que, em março e maio, reproduziu textos da VENETA sobre o clube da cidade.
VINDO DO SESI/SP, ele narra na entrevista como superou um problema pessoal que, “por milagre”, como disse, não evitou o abandono prematuro da carreira.
PAES TEVE detectado um problema cardíaco que o afastou das quadras por quase dois anos. A volta por cima veio com um tratamento intensivo com um dos maiores especialistas do mundo na área. (foto: Funadem)

NOVO SITE

MENOS DE UMA
semana após o lançamento do novo patrocinador, a Funadem tratou de dar outra roupagem ao site relacionado ao time de vôlei (
www.funademvolei.com.br). Já exibe as cores do Banco BMG e as fotografias com os contratados, incluindo a apresentação oficial do dia 1º, para a imprensa, e no dia 3, no Parque de Exposições. As fichas técnicas de cada atleta estão sendo atualizadas gradativamente.

LISA

AINDA EM RELAÇÃO
à parte de publicidade, curioso foi ver a rapidez com que o clube teve em adaptar os vídeos antigos do time à nova realidade. No material exibido na semana passada e na programação local, as camisas da Superliga passada estão integralmente lisas, com exceção do número de cada jogador. Ou seja, sem a marca do antigo patrocinador Bonsucesso, por sinal, maior rival do BMG na área de empréstimos.

MESMA MASCOTE

AINDA NA APRESENTAÇÃO
do time, resgatando uma observação do presidente Felipe Oliveira em seu discurso. O acerto com o BMG, de alguma forma, uniu o útil ao agradável, já que o esquilo é a mascote de ambos. Na final de São Paulo, contra o BMG, é bom lembrar que o então marqueteiro do Bonsucesso ‘sugeriu’ ao clube não colocar o Esquilão na torcida, já que haveria transmissão pela TV direta e poderia haver qualquer associação com o rival e que hoje patrocina o Montes Claros.

OTIMISMO

ALÉM DOS 10
jogadores contratados, o auxiliar técnico Leandro Dutra, de 33 anos, é uma das novidades no grupo de trabalho do BMG/Montes Claros para a temporada 2010/2011. Mineiro de Juiz de Fora, mas radicado profissionalmente em Belo Horizonte, foi apresentado oficialmente na semana passada, no evento do Ibituruna Shopping Center, e chegou à cidade com um currículo de peso, já que estava na Seleção Brasileira Juvenil, ao lado do técnico Percy Oncken.

SOBRE O NÍVEL

SOBRE A NOVA
experiência em um clube, considera como “um dos bons desafios para sua carreira”, a começar pela boa estrutura de trabalho. Mesmo com a renovação de cerca de 80% do grupo de atletas feita pelo Montes Claros, destacou que o time, com estas contratações, “manteve ou até mesmo superou seu nível de competição” em relação à temporada anterior.

TORCIDA

PELO BOM CURRÍCULO
, Dutra recebeu outras propostas, mas a escolha pelo BMG/Montes Claros foi proposital por dois motivos em especial: a oportunidade de trabalhar pessoalmente com o técnico Talmo de Oliveira, quem considera um dos mais promissores do País na profissão; além do histórico que o clube alcançou logo em sua primeira temporada oficial, como vice-campeão brasileiro e líder absoluto de público na Superliga Nacional. “Sem dúvida, a presença do Talmo em Montes Claros foi fundamental para o meu acerto”.

IDENTIFICAÇÃO

NO PRIMEIRO
contato com o grupo de atletas, considerou a estrutura de trabalho bastante satisfatória e elogiou o Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves, determinante para essa identificação que a torcida passou a ter com o voleibol. Mesmo de longe, pôde acompanhar o time na competição anterior.

CARTA BRANCA

UM FATO OCORRIDO
nas semifinais da Superliga 2009/2010 foi comentado com o novo auxiliar sobre a importância do cargo na comissão técnica. O técnico Talmo de Oliveira foi suspenso pela CBV e teve de ficar de fora do banco de reservas, sendo substituído pelo então auxiliar Carlos Augusto de Oliveira, o Chiquita. Segundo Leandro Dutra, nesta condição, o auxiliar tem total autonomia para decidir sobre substituições e comportamento tático do time. Daí a importância do trabalho em sintonia”, finalizou.

SEM CHANCES

UMA NOTA OFICIAL
da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV) sobre os trabalhos do técnico José Roberto Guimarães, no CT de Saquarema, publicada na quinta-feira (o link mais abaixo), põe fim ao sonho dos montes-clarenses em receber mais um duelo internacional (http://bit.ly/bKHJ5X).
O TEXTO CONFIRMA para os dias 20 e 21 deste mês, na Arena JK, do Minas Tênis, a realização dos dois amistosos entre as seleções femininas de Brasil e Alemanha previstos para o Estado. Na segunda-feira, o jornal Hoje em Dia já adiantava o fato.
OS JOGOS FAZEM parte da preparação de ambas para o Grand Prix Mundial. Montes Claros, em contato com a Prefeitura, chegou a ser cogitada pela CBV para recebê-las, mas não houve acordo de ordem financeira para o custeio da viagem das delegações.
DEPOIS DE ser preterida como sede dos jogos entre Bulgária e Brasil, pela Liga Mundial de Vôlei, agora a cidade ficou sem Brasil e Alemanha.

JAIR MUDA

TITULAR DA UCS
/Fátima, de Caxias do Sul, durante a maior parte da última Superliga Nacional de Vôlei, o líbero montes-clarense Jair Amintas Neto, o Jairzinho, deixou o clube gaúcho. Não houve a renovação do contrato, vencido em abril. Aliás, o clube está passando por uma crise financeira porque não conseguiu um novo contrato com um dos patrocinadores. Pode até mesmo deixar a maior competição brasileira da modalidade.

NA LIGA B

PARA MANTER
a forma física e técnica, enquanto estuda novas propostas, Jair disse à Veneta que aceitou o convite e acertou um contrato temporário com a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF) para a disputa da Liga Nacional, torneio classificatório para a Superliga. O time da Zona da Mata vai tentar o acesso para ser mais um time mineiro na Superliga. O Olympico (BH) também estaria acertando sua participação na mesma competição, sonhando com o acesso.

FORA DO PAÍS

MAS, AO FINAL
da Liga B, o líbero vai buscar outro desafio. Sem propostas oficiais de clubes brasileiros – houve apenas sondagens –, é bem provável que Jair vá para o exterior. Seu empresário estaria negociando valores com clubes europeus e asiáticos. O montes-clarense disse que o seu pensamento é mesmo atuar fora do Brasil nesta temporada, como forma até mesmo de conhecer outros estilos e buscar o amadurecimento para a sua posição. Acha que, por exemplo, na Europa, a visibilidade acontece, ainda mais se tratando de um período de renovação na Seleção Brasileira.

POÇOS FORA

COMO COMEÇOU
os treinamentos há apenas dez dias, bem atrás dos maiores rivais de Minas, o BMG/Montes Claros poderá recusar o convite para a disputa de um torneio preparatório em Poços de Caldas. A disputa teria, ainda, o Sada/Cruzeiro e o Vivo/Minas, além de um convidado de outro estado. O grupo está, ainda, na fase de preparação física. A diferença de tempo de trabalho em relação aos adversário do Estado tem explicação: como vice-campeão da Superliga, encerrou as atividades bem depois, já que os demais foram eliminados precocemente.

MAIS DOIS?

DEPOIS DOS JOVENS
Peu e Marden, que se destacaram na Taça BH Júnior na parceria com o Brumadinho e tiveram 60% de seus direitos federativos vendidos para o Vitória da Bahia, o Funorte estuda propostas de empresários para outras duas pratas-da-casa, mas que já estão junto ao elenco profissional desde o ano passado. Os atacantes Tiago Pitbull e Walisson Picachu já teriam propostas de empresários do Nordeste. O clube promete estudá-las, mas tem preferência por clubes com histórico de revelação, como o próprio rubro-negro baiano.

MOTIVAÇÃO

A PROVA NOTURNA DE
kart, dentro das comemorações dos 153 anos de Montes Claros, teve boa aceitação entre os pilotos.
LEVANDO-SE EM conta, principalmente, a boa localização (Praça dos Jatobás), a presença de público e a qualidade do asfalto, além do horário – o que evita o desgaste com o calor.
NO ENTANTO, PARA um calendário mais regular, sem grandes intervalos entre as etapas, esperam uma rotatividade menor entre os circuitos, o que ainda acontece pela pouca disponibilidade de avenidas e ruas sem ondulações na pista.
A SOLUÇÃO estaria na transformação do estacionamento do Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves em uma pista oficial, o que já foi acordado entre a associação de kart da cidade e o município.
MAS, por enquanto, o problema por lá seria o mesmo. O assoalho precisaria de reparos diante da irregularidade de alguns pontos do estacionamento. E os recursos para isso ainda não estão disponíveis.

DE VOLTA

O PROFESSOR
Gezinho Durães e o jornalista Leonardo Maciel retomaram o projeto do jornal Mundo dos Esportes. A quinta edição foi lançada nesta semana, com destaque para os Jogos Escolares, Jonaf e o projeto Doutores do Riso. A publicação mensal, com distribuição gratuita, é voltada, principalmente, para a divulgação das promoções acadêmicas relacionadas à educação física e, ainda, às competições locais e regionais.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: