Apresentação adiada; depois de Riva e Lorena, agora Leandrão

ADIADA

EMBORA ALGUNS
dos jogadores já estejam na cidade – casos de Rodriguinho, Thiago Salsa, Fábio Alves, Alemão e Manius –, o Bonsucesso/Montes Claros optou em adiar a apresentação oficial do seu grupo para a imprensa. A coletiva com os novos atletas aconteceria ontem, como havia sido planejado no término da temporada anterior, mas foi adiada para o final do mês (29 ou 30), ainda em local indefinido.

COMPLETAR GRUPO

A DECISÃO
de prorrogar parece ser proposital para que sejam assinados e registrados todos os contratos. Mas iria mais além diante da necessidade de fechar o grupo, pois o time perdeu uma de suas principais contratações antes mesmo de qualquer treino, jogo ou entrevista. O oposto Rivaldo (foto ao lado)acertou verbalmente sua vinda para a maior cidade do Norte de Minas, mas como foi comentado aqui na Veneta, semana passada, a partir de informações do companheiro Rubem Ribeiro (Canal 20), ele foi ‘seduzido’ por uma oferta milionária da Rússia, pediu a liberação e foi atendido.

MUDA ROTA

RIVA VIRIA PARA
a vaga do ídolo Lorena, com a experiência de ter sido jogador da Seleção Brasileira na era Bernardinho, mas o interesse do Dínamo Krasnodar – e proposta financeira, três vezes maior - mudou sua rota a poucos dias da apresentação.

LORENA ERA PLANO

O BONSUCESSO
/Montes Claros imediatamente lançou um plano B para ter mais um oposto além do jovem Alemão, vindo do Santo André. Essa segunda opção era justamente Fabrício Lorena (ao lado), maior pontuador e maior sacador da última edição da Superliga. Depois de encerrar seu contrato e até apresentar um pedido de renovação ao Montes Claros, o jogador estudou pelo menos meia dúzia de propostas (Vôlei Futuro e Japão foram algumas delas), mas não assinou com ninguém. (Foto: Rubem Ribeiro)

PERUGIA LEVOU

MESMO INCENTIVADO
pela torcida, o plano B também teve que ficar para trás, na semana passada, quando o clube foi comunicado sobre o acerto de Lorena com o Perugia, time da 1ª Divisão do Campeonato Italiano. O ídolo chegou a fazer uma contraproposta de acordo salarial com o Montes Claros, mas também seduzido pelos euros e incentivado pela esposa Aurelie para ficar próximo à França, país natal dela.

AGORA LEANDRÃO

ASSIM, O CLUBE
vai apostar em uma terceira opção para ter um oposto mais experiente no grupo, tendo o jovem Alemão como opção de banco. A “bola da vez” é Leandrão (à direita), ex-Minas e Sada/Cruzeiro, que estava no vôlei japonês. Com 2,08 metros, ele tem diversos títulos pelas categorias de base da Seleção Brasileira e, há dois anos, foi convocado por Bernardinho para o grupo principal. O jogador já recebeu uma proposta para assinar com o Bonsucesso/Montes Claros. (foto: Sada/Betim)

TRANSFERIDA

A PENEIRADA
do vôlei para a descoberta de novos talentos foi transferida do último sábado para o dia três de julho. O horário e o local estão mantidos: 14 horas, no Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves. A idade mínima é de 15 anos e há o interesse de contratar por esse trabalho pelo menos dois jogadores.

20 E POUCOS OU TODOS

NÃO QUER DIZER
que apenas os mais novos vão ter vez. O pessoal que joga vôlei há anos, mesmo com os 20 e poucos (ou todos), podem tentar a vaga. Nos próximos dias, a direção do time e alguns jogadores deverão visitar as maiores escolas da cidade para divulgar a peneirada de forma mais direta.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: