Depois do troco, Minas freguês? 500 x Lorena; 80 mil no “Maracanã do vôlei” e Cruzeiro na sombra


TRÊS CONQUISTAS

A VITÓRIA DO
domingo à noite sobre o rival Vivo/Minas, parciais de 25/21, 29/31, 25/20 e 25/20, fez com que o Bonsucesso/Montes Claros/Funadem alcançasse três conquistas especiais no Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves.

TROCO


A PRIMEIRA DELAS
, por mais simples que possa parecer, é o fato de o time dar o troco no rival de Belo Horizonte, que havia sido convidado para a reinauguração do local, ainda em setembro de 2009, e venceu por três sets a zero.

MINAS FREGUÊS?

DE LÁ PRA CÁ
, foram quatro jogos entre Minas e Montes Claros e o time do Norte de Minas venceu todos, sendo três na Arena JK, casa do rival. Montes Claros 3x1 Minas, na primeira fase do Desafio Globominas; Montes Claros 3x2 Minas, na final do Campeonato Mineiro; Montes Claros 3x1, no primeiro turno da Superliga; e Montes Claros 3x1, domingo passado, no returno da Superliga.

500 VEZES LORENA

A SEGUNDA
conquista especial é do oposto Lorena, nome confirmado no início desta semana, na primeira convocação da lista do técnico Bernardinho para a Liga Mundial. Ele alcançou a marca exata dos 500 pontos na Superliga Nacional de Vôlei, se isolando ainda mais na condição de o maior pontuador da competição, com impressionantes foram 65 aces.

INQUESTIONÁVEIS 80 MIL


A TERCEIRA conquista certamente é a mais expressiva em nível nacional por se tratar de uma cidade que, até o meio do ano passado, nem cogitava ter um time profissional.
COM OS 7.316 pagantes na vitória contra os minas-tenistas, o clube atingiu à marca de 80 mil pessoas em seus jogos no Ginásio Poliesportivo Tancredo Neves, segundo números oficiais das súmulas publicadas pela CBV.
SIMPLESMENTE, algo igual à capacidade total do Maracanã, maior referência nesse quesito para o País.
EM 14 APRESENTAÇÕES, foram exatos 80.194 ingressos vendidos. O maior público em apenas uma partida foi conquistado recentemente, na vitória de sexta-feira passada (3x2), sobre o Sada/Cruzeiro, com 7.911 pagantes, recorde disparado de toda a toda a competição.

O JOGO CONTRA o Cimed, ainda pelo turno, teve 7.493 pessoas. A lista dos seis primeiros melhores públicos do Montes Claros tem ainda os duelos contra o Minas (7.316), Upis/Brasília (7.313), Ulbra/São Caetano (6.717) e Funvic/Cuiabá (6.113).
PRESIDENTE DA Federação Mineira de Voleibol há 20 anos, Carlos Rios, o Carlão (foto), veio a Montes Claros na sexta, dia 19, e ficou impressionado e fez duas ressalvas: 1ª) “Isso aqui é público de final, mas nem em toda decisão há algo assim”; 2ª) “Se o Cruzeiro perder esse set (4º), vai perder. Esse povo todo aqui vai ganhar o jogo”. Acertou na previsão.

SOMBRA CELESTE

ALIÁS, NESSE quesito, o Cruzeiro é um único clube que faz sombra ao Montes Claros, mas, mesmo assim, a distância. Na somatória de seus públicos em Contagem, Betim e Itabira, sedes itinerantes do time na Superliga, a Raposa soma 46.618 torcedores, nada menos que 42% abaixo do total registrado em Montes Claros. Hoje, BH será a quarta cidade que receberá o time.

RESSALVA

O DIRETOR DO CLUBE
, Victor Oliveira, faz uma ressalva e considera um número ainda maior sobre os públicos do Montes Claros/Funadem, já que, a cada confronto como mandante, são cedidos, em média, 1,5 mil bilhetes de cortesia para as empresas que são patrocinadoras, conforme acordo entre as partes. Dessa forma, na contabilidade dele, o time teria algo em torno de 101 mil pessoas em todos os seus jogos na cidade.

NA FRENTE DO FLA?


DESSA FORMA, segundo as contas do Victor, o público total contra o Cruzeiro, recorde da Superliga com 7.911 pessoas, com as cortesias, chega às 9,4 mil pessoas, nada menos que 400 a mais que o do clássico Flamengo e Botafogo, domingo passado, pela Taça Rio, no Engenhão (RJ).
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: