Laudos, plástica no JMM, briga por dívida e o correspondente

Mão-de-ferro

AO QUE PARECE, com a base legal dos laudos de engenheiros, policiais, bombeiros e vigilância sanitária, a FMF está deixando evidente que está agindo com mão-de-ferro para aprovar os estádios que vão receber os jogos do Campeonato Mineiro. Por enquanto, na mira estão apenas os clubes da Primeira Divisão, que começa no dia 24 de janeiro. O Módulo II está previsto para começar duas semanas depois. Por isso, o prazo maior.

Vetados

DOS ELITISTAS, Ituiutaba, Villa Nova e Democrata de Governador Valadares tomaram bomba no quesito segurança e, caso não façam as adequações até a rodada de estreia, terão de optar por outro mando de campo.

Novo laudo

NESSE PARÊNTESE
, caberá ao Funorte, o quanto antes, ficar em cima dos prazos. Seu último laudo está para vencer neste dia 31. Vai ter que acionar a PM, o Corpo de Bombeiros, os engenheiros civil e elétrico indicados pelo CREA e a Vigilância Sanitária para as respectivas editorias e deixar o estádio José Maria Melo apto a receber os jogos do Módulo II, a partir de fevereiro.

Posto médico

ALÉM DE CUMPRIR
todos esses quesitos, o clube vai ter que articular junto ao Cassimiro de Abreu, dono do estádio, como atender uma exigência específica do Ministério Público, através do promotor Felipe Caíres, da Curadoria de Defesa do Consumidor e que esteve in loco avaliando o campo em dia de jogos: construir um posto médico fixo.

E portão extra

O MP QUER
, ainda, que as torcidas visitantes tenham um acesso independente ao estádio. Sugere a construção de um portão exclusivo ao lado da caixa d’água que fica de trás das traves – o gol do Sapucaia, na rua Francisco José Souto. Assim, os 'rivais' não precisariam passar pela torcida do Funorte para serem acomodados.

Briga


ANTES DA BOLA rolar no Módulo II, percebe-se alguns sinais de briga nos bastidores. Há quem diga que Araxá e Social estão irregulares na competição por causa de débitos referentes à temporada 2009. O erro seria da própria FMF, que teria deixado ambos participarem no conselho arbitral nessas condições. Se ao menos tivessem proposto um parcelamento ou pagamento integral, estariam livres da perseguição. Nesses bastidores, o Funorte é um dos clubes chiadores.

PC Alencar

TÉCNICO DOS
quatro últimos times profissionais de Montes Claros - União São Pedro, Montes Claros, Ateneu e Funorte -, Paulo César Alencar recupera-se de um sério problema de saúde, que levou ser internado na Santa Casa. A nossa solidariedade ao PC.

Ao vivo para os EUA...

TATU, PRESIDENTE
do MCTC que prefere o apelido ao invés do nome - Geraldo Altamiro -, fez as vezes de correspondente internacional na vitória do Montes Claros/Funadem sobre o Sky/Pinheiros, no sábado passado. A cada set, era acionado pelo telefone por familiares de Houston, no Texas (EUA). O curioso é que a turma estava acompanhando tudo pela TV via Globo Internacional. Queriam mesmo era vê-lo na tela.

R$ 20 por mês

SOBRE O MCTC, o clube faz uma campanha para aumentar o número de associados. O condomínio mensal é de R$ 20. De estalo, apresenta dois atrativos: a academia de ginástica e musculação e o sistema de iluminação da piscina, que permitirá a realização das aulas noturnas para a galera que trabalha durante o dia.

Negócios

NÃO É SÓ pelos cerca de R$ 400 mil de salário que atraíram Luxemburgo para o Atlético. Além da carta branca que a diretoria garante ter dado a ele, o técnico fica mais próximos dos negócios que mantém em Belo Horizonte. É sócio do Instituto Wanderley Luxemburgo, um centro de estudos na Capital dirigido às atividades de formação esportiva para técnicos e outros profissionais do futebol; até mesmo jornalistas. Júnior Brasil, da Rádio Itatiaia, por exemplo, fez seu mestrado lá.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: