Sim! Montes Claros terá time na Superliga de Vôlei

Era sigilo. Entre futuros patrocinadores, prefeitura e a imprensa. Todo mundo guardava a informação para que a coisa ficasse preto no branco - caneta no papel, como se diz na gíria -, mas a euforia do presidente da Federação Mineira, Carlos Rio, o Carlão, deixou o assunto vazar, logo para a imprensa da capital.
Mas é fato: Montes Claros terá um time de vôlei profissional na próxima Superliga Nacional de Vôlei, compondo o trio mineiro ao lado do Vivo/Minas e Sada/Cruzeiro. A informação do Estado de Minas, na edição desse sábado, foi até aí. Mas vou mais além; não adiantou guardar!!!

O nome do time dependerá ainda de alguns acertos financeiros com pelo menos mais dois patrocinadores, mas deverá ficar mesmo como MCTC/Correios. E justiça seja feita, um dos padrinhos da ideia é o empresário Felipe Oliveira, do Iseib, pai do meia-de-rede Victor, o Vitão, ex-Minas, Santander, Álvares Cabral e que atualmente joga na Espanha.
O assunto começou a ser discutido há pelo menos duas semanas, quando o ex-jogador William (não confundir com o levantador da medalha de prata), com passe livre na CBV (um consultor, eu diria), visitou a cidade para conhecer o que ela tem a oferecer. Após almoços e reuniões, voltou para o Rio de Janeiro e deu as melhores das referências ao presidente da CBV, Ary Graça. Em seu argumento, a promessa de que a prefeitura daria sua contrapartida ao time, somando-se ao patrocínio dos Correios, a formação de escolinhas de base (3 mil crianças e jovens) e uma infraestrutura de primeira.
Outras duas empresas - da cidade ou mesmo de fora - vão se juntar ao projeto. Marcos Lerbach, técnico da seleção brasileira de base por décadas e hoje auxiliar de Bernardinho na principal, já estaria encaminhado para o comando do time.

Além do discurso do William, uma visita de representantes da cidade à CBV, no Rio, nessa semana, sacramentou o interesse de Montes Claros de ter o seu time de vôlei. Nos argumentos, a promessa de que o Ginásio Poliesportivo, do bairro Monte Carmelo, será reformado por completo (isso já havia sido noticiado), recebendo inclusive cadeiras. Tem como hand-cup o fato de ser o maior do interior de Minas, com capacidade para 12 mil pessoas.
Bom, está aí: uma primeira mão melhorada...
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: