Tropeço em Patos: ficou para 2010

Durou cinco jogos a invencibilidade do Funorte no returno do Campeonato Mineiro do Módulo II. O time caiu diante da URT, esta noite, em Patos de Minas, por três a dois, e praticamente deu adeus ao sonho de subir à primeira divisão de Minas logo em 2010.
Praticamente é o termo certo porque a matemática ainda permite o sonho na teoria, mas seria necessária uma combinação de resultados bem exagerada em desfavor à Caldense, América e Ipatinga e, ainda, que o FEC vença todos os cinco jogos restantes. O preço que o time está pagando agora pela péssima campanha no turno.
Como tudo isso é pouco provável - o América venceu na rodada e o Ipatinga também -, fica aquela máxima de que o time caia de pé e deixe a melhor impressão para a Taça Minas Gerais, já que a diretoria disse com todas as letras que, custe o que custar, o Funorte tem compromisso no segundo semestre na briga por uma das vagas de Minas na Copa do Brasil 2010.

Ainda nesta quarta, o Democrata venceu o Ideal por três a dois e respirou contra o rebaixamento. O Poços de Caldas goleou o Valério por 3 a 0, enquanto o América, no sufoco, conseguiu manter seus 100% de aproveitamento em Teófilo Otoni vencendo a Caldense por um a zero. O Ipatinga também teve sufoco, mas venceu o Itaúna por três a dois, enquanto o Formiga empatou em casa diante do Araxá. Pelo menos em quarto o Funorte fica.
CLASSIFICAÇÃO: 1) Ipatinga, 36; 2) Caldense, 35; 3) América, 30; 4) Funorte, 26; 5) Formiga, 24; 6) Valério, Poços de Caldas, Araxá e Itaúna, 21; 10) URT, 19; 11) Ideal, 13; 12) Democrata, 12.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: