Estava ruim, ficou pior...

O adversário era ruim, mas o Funorte conseguiu ser pior. Desperdiçou a chance de voltar a ganhar em casa contra o Itaúna e apenas empatou nesta tarde: 1x1. O time teve chances claras de marcar, mas esbarrou na onipresença do goleiro Rodrigo debaixo das traves e na sua própria incompetência, com duas bolas na trave, sendo uma de Mazinho numa cobrança de pênalti ainda no primeiro tempo. A torcida o vaiou, além do técnico Luiz Eduardo. Os gols foram de Carlos Carioca (I) e Leandro (F).
Sem qualquer coisa externa para colocar a culpa pelo fiasco - nem árbitro, nem o calor -, o time continua na modesta quinta colocação (15), agora sete pontos atrás do líder Ipatinga. O Tigre da era Marcelo Oliveira, que venceu o Valério de virada (2x1) parece imbatível, com 100% de aproveitamento. "Taí" uma chance do Funorte mostrar a que veio. O seu próximo desafio será justamente contra o time do Vale do Aço, nesta quarta, sem Víctor e Ávila...
Demais jogos: Formiga 4x0 URT, Ideal 1x2 Caldense, América 4x0 Araxá, Poços 1x1 Democrata/SL.
Compartilhar no Google Plus

Christiano Jilvan

Jornalista com quase 20 anos de profissão. Foi repórter e subeditor do Jornal de Notícias por mais de uma década, além de freelancer para os jornais O Globo, Folha de S. Paulo, Estadão, Estado de Minas e O Tempo. Colaborador para as TVs Geraes, Canal 20 e InterTV e Rádios Terra AM e Transamérica FM.

0 comentários: